Imagem da matéria: Cazaquistão suspende energia para mineração de bitcoin em meio a apagões na Ásia Central
Foto: Shutterstock

Não espere que mineradores de bitcoin (BTC) no Cazaquistão ganhem bitcoins durante a última semana de janeiro.

A estatal Kazakhstan Electricity Grid Operating Company (KEGOC) confirmou à Bloomberg que a eletricidade foi suspensa para empresas de mineração de bitcoin e criptomoedas de 24 até 31 de janeiro.

Publicidade

Isso não evitou que a Ásia Central fosse assolada pelo apagão na terça-feira (25), conforme uma rede elétrica desconectada deixou milhões no Cazaquistão, Quirguistão e Uzbequistão sem energia ou água.

Apesar de os governos dos países afirmarem que a energia estava sendo restaurada, mineradores de bitcoin no Cazaquistão não terão acesso a ela no futuro imediato.

Em 2021, o país da Ásia Central se tornou a segunda nação que mais minera bitcoin no mundo após sua vizinha China ter suspendido atividades de mineração de bitcoin.

Graças a seus depósitos de gás natural e carvão, o Cazaquistão possui um dos menores preços pelo consumo de eletricidade no mundo, ajudando mineradores a lucrarem.

A mineração é um processo que consome bastante energia, na qual pessoas e empresas usam hardwares específicos para executar computações que garantem a segurança da rede Bitcoin e emitam bitcoins.

Publicidade

Apesar de o Cazaquistão ter originalmente dado as boas-vindas à indústria de mineração embora a regulamentou, o desejo do governo em migrar do carvão, junto com grandes volumes de mineradores de bitcoin, forçou a rede elétrica.

Segundo estimativas do governo em setembro de 2021, mineradores de criptomoeda usaram até 8% do fornecimento de energia disponível do Cazaquistão.

Mais da metade desse uso vem de operações “cinzentas” que se recusaram a obter registro por conta de requisitos fiscais e as perspectivas de uma maior supervisão do governo.

Em novembro, Magzum Mirzagaliyev, o ministro de Energia do Cazaquistão, disse que operações reguladas não seriam desconectadas da rede nacional; o país queria reprimir mineradores sem licença.

No entanto, por enquanto, todos estão no escuro.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

As baleias de Bitcoin compraram avidamente a última queda; investidores de longo prazo agora aguardam a próxima alta para realizar lucros
CEO da Galaxy Digital, Mike Novogratz, em entrevista ao BNN Bloomberg no YouTube

O Bitcoin precisa de uma nova narrativa para voltar a subir, segundo CEO da Galaxy Digital

Mike Novogratz também acredita que o preço do BTC flutue entre US$ 55 mil e US$ 75 mil até que novos eventos ocorram
Nathalia Arcuri falando em evento

Mercado Bitcoin e Nathalia Arcuri firmam parceria de conteúdo via blockchain

Mercado Bitcoin e Nathalia Arcuri firmam parceria via blockchain e promovem educação financeira de criptoeconomia gratuita
moeda de Bitcoin ao lado de letreiro com ETF

Estado dos EUA investe R$ 510 milhões em ETF de Bitcoin da BlackRock

O investimento foi confirmado hoje pelo Conselho de Investimentos do Estado de Wisconsin (SWIB)