gelo bloco moeda bitcoin
Foto: Shutterstock

A exchange de criptomoedas disse Liquid Global nesta terça-feira (15) que está suspendendo todas as retiradas — tanto fiduciárias quanto de criptomoedas — da plataforma.

“As retiradas fiduciárias e de criptos foram suspensas na Liquid Global em conformidade com os requisitos do processo voluntário de recuperação judicial nos Estados Unidos”, afirmou a exchange no Twitter.

Publicidade

A Liquid disse que forneceria mais atualizações “quando disponíveis”, aconselhando os clientes a não fazer depósitos na plataforma.

O Liquid Group e todas as suas filiais operacionais, incluindo a Quoine Corporation, com sede no Japão, e a Quoine Pte, com sede em Singapura, foram adquiridas pela FTX Trading Ltd em um acordo no início deste ano cujo valor não foi revelado.

A exchange Liquid da Quoine foi uma das primeiras exchanges de criptomoedas a ser totalmente licenciada pela Agência de Serviços Financeiros do Japão e também solicitou uma licença junto à Autoridade Monetária de Singapura.

A exchange tem seu próprio utility token chamado QASH, que pode ser usado para receber descontos em taxas de câmbio líquidas. O preço do QASH despencou 25% com as notícias de hoje, de acordo com o CoinGecko.

Fim da FTX

O fim da exchange FTX foi um ponto de discussão importante em toda a indústria cripto durante as últimas semanas.

Em uma grande reviravolta para Sam Bankman-Fried, que fundou a FTX e sua empresa comercial associada Alameda Research, o império do bilionário de 30 anos entrou em colapso em questão de dias depois que um rombo estimado em US$ 10 bilhões foi revelado, abalando ainda mais a confiança no já conturbado mercado de criptoativos.

Publicidade

A interrupção de retiradas da Liquid Global apenas contribui para uma lista crescente de empresas afetadas por eventos recentes, que viram empresas como a BlockFi tomando a mesma decisão de cancelar saques na semana passada, além da empresa de venture capital cripto Sino Global Capital revelando perdas devido à sua exposição de mais ou menos “sete dígitos” à FTX.

Também na semana passada, o grupo de investimento e negociação de criptomoedas CoinShares anunciou que tinha uma exposição de cerca de US$ 30,3 milhões na FTX.

Processos judiciais recentes também mostraram que mais de um milhão de credores podem ter pedidos contra a exchange falida, com mais revelações provavelmente surgindo nos próximos dias.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Saga anuncia airdrop gigantesco de projetos Ethereum, Solana e Avalanche

Saga anuncia airdrop gigantesco de projetos Ethereum, Solana e Avalanche

Projetos em várias redes estão ajudando a Saga a impulsionar o staking com pacotes de tokens e recompensas de airdrops nos próximos meses
Imagem da matéria: Dogwifhat cai 15% e lidera perdas de memecoins em meio à lentidão da Solana

Dogwifhat cai 15% e lidera perdas de memecoins em meio à lentidão da Solana

As memecoins da Solana caíram da noite para o dia, enquanto os devs correm para consertar os problemas de congestionamento da rede
scanner plano digitaliza a palma de uma mão

TON oferece R$ 25 milhões para escanear mãos dos investidores

HumanCode se junta à The Open Network para oferecer um milhão de Toncoin como incentivo em programa de digitalização de palma da mão baseado em IA
Imagem da matéria: PF prende hacker que vendia dados de 223 milhões de brasileiros por criptomoedas

PF prende hacker que vendia dados de 223 milhões de brasileiros por criptomoedas

“Vandathegod” foi responsável pelo maior vazamento de dados da história do Brasil