Lee Jae-myung, candidato à presidência na Coreia do Sul, planeja arrecadar dinheiro usando tokens não fungíveis (ou NFTs, na sigla em inglês), segundo o site Yonhap News. A estratégia é financeira e representa uma tentativa de atrair jovens eleitores.

“Conforme a jovem geração, com seus 20 e 30 anos de idade, se interessam em tecnologias emergentes, incluindo ativos virtuais, NFTs e o metaverso, esse tipo de arrecadação pode ser atrativa a eles, afirmou Kim Nam-kook, participante da campanha de Lee, ao Yonhap News.

Publicidade

O Partido Democrata (de Lee) irá emitir NFTs que incluem a imagem do candidato, bem como benefícios eleitorais específicos àqueles que doarem para sua campanha. A previsão é que as eleições aconteçam em 9 de março.

“Chegou a hora de nos comprometermos com experimentos inovadores para melhorar nossa compreensão sobre essas tecnologias futuras e mudar percepções sobre criptomoedas e NFTs”, acrescentou Lee.

Há tempos que reguladores do país asiático focam na crescente indústria.

Em março de 2021, a Coreia do Sul apresentou novas regras de declaração para empresas cripto visando o regime antilavagem de dinheiro do país. A falta de cumprimento pode resultar em uma multa de até US$ 44 mil ou até mesmo uma sentença de prisão de cinco anos.

Em novembro, a reguladora financeira do país também sugeriu a ideia de que o governo possa cobrar impostos sobre NFTs em breve.

Publicidade

O famoso grupo de k-pop BTS quer apresentar NFTs próprios e, apesar de críticas levantarem preocupações sobre o meio ambiente, o plano do grupo avançou.

Políticos americanos também experimentam o novo esquema de financiamento.

NFTs e políticos

Em outubro de 2021, o ex-candidato à presidência dos EUA Andrew Yang colançou uma colaboração NFT com Bankless.

Após participar do podcast Bankless, Yang disse que os lucros da venda de NFT iriam para seu novo partido Forward, que ele acredita que irá consertar o bloqueio político do país.

No estado do Arizona, o candidato ao Senado Blake Masters está oferecendo a doadores NFTs “Zero to One” com base na arte de capa de seu livro de mesmo nome.

“Esse é o primeiro NFT que estamos emitindo para ajudar a compartilhar a história legal do livro e ajudar a arrecadar dinheiro para minha campanha ao Senado dos EUA para que possamos usar o pensamento ‘Zero a Um’ para salvar a América da beira da destruição”, afirmou.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Ripple vai lançar sua própria stablecoin lastreada ao dólar

Ripple vai lançar sua própria stablecoin lastreada ao dólar

Em seu lançamento, a stablecoin da Ripple estará disponível nas blockchains XRP Ledger e Ethereum, com planos de expansão
silhueta de homem com celular e logo da coinbase no fundo

Coinbase entra com recurso contra decisão em caso contra a SEC

Ao interpor o recurso, a Coinbase alega motivos substanciais para divergências de opinião, segundo disse o site The Block citando uma pessoa familiarizada com o caso
Imagem da matéria: Adolescentes são presos por extorquir investidor de criptomoedas em hotel de luxo

Adolescentes são presos por extorquir investidor de criptomoedas em hotel de luxo

O hotel Harbour Grand Kowloon, em Hong Kong, era frequentemente utilizado para a negociação informal de criptomoedas
Receita Federal, greve, Imposto de Renda, IR 2022

Receita Federal fará consulta pública para atualizar regras de declaração de criptomoedas

Receita Federal quer alinhar a Instrução Normativa 1.888/2019 com o modelo internacional de declaração de ativos digitais