Imagem da matéria: Bitcoin supera rublo russo e se torna a 14ª maior moeda do mundo
Foto: Shutterstock

Embora o bitcoin não esteja no seu melhor momento, a criptomoeda mais importante do mundo está indo muito melhor do que o rublo russo.

A capitalização de mercado da moeda oficial da Rússia acaba de ser deixada para trás pelo bitcoin, de acordo com dados do FiatMarketCap, site que rastreia a capitalização de mercado das moedas fiduciárias em BTC.

Publicidade

O rublo russo caiu para a 16ª posição no ranking das maiores moedas ao ver seu market cap recuar para 17,267,950 BTC, cerca de R$ 3,4 trilhões.

O bitcoin logo ocupou o espaço vago deixado pela moeda russa ao atingir um valor de mercado de 18,970,531 BTC, equivalente a R$ 3,7 trilhões. No meio do caminho, o bitcoin também ultrapassou a capitalização do baht tailandês e agora ocupa o 14º lugar no ranking das maiores moedas do mundo.

as maiores moedas do mundo por capitalização de mercado
Ranking das maiores moedas do mundo por capitalização de mercado em BTC (Fonte: FiatMarketCap)

O bitcoin abre a segunda-feira (28) com uma pequena valorização de 0,7% nas últimas 24 horas, segundo o CoinGecko. A criptomoeda é negociada em torno de US$ 39.280 e tenta agora se recuperar de uma semana bastante volátil em que a guerra desencadeada no leste europeu entre Rússia e Ucrânia prejudicou a maioria dos mercados globais.

O rublo russo, por outro lado, só desvaloriza. O MarketWatch mostra que a moeda da Rússia bateu nesta segunda uma mínima histórica frente ao dólar, onde 1 USD equivale agora a apenas 98 RUB.

Publicidade

O rublo perdeu mais de 30% de seu valor após uma queda anterior de até 40%, segundo a CNN. O efeito das sanções esmagadoras impostas à Rússia são sentidas cada vez com mais força e, nesta segunda, o banco central russo mais que dobrou as taxas de juros do país, que saltaram de 9,5% para 20%.

Russos buscam proteção nas criptomoedas

Em meio à grave desvalorização do rublo, parte da população russa se voltou às criptomoedas para proteger seu capital. Os volumes de negociação entre o rublo russo e o bitcoin atingiram o nível mais alto em nove meses na última semana.

Dados rastreados pela empresa Kaiko e compartilhados no Coindesk, mostram que o volume de bitcoin negociado com a moeda russa subiu para 1,5 bilhão de RUB na quinta-feira (24), um número visto pela última vez em maio de 2021. 

O volume de negociação USDT/RUB também subiu atingiu uma máxima de oito meses, com 1,3 bilhão de RUB sendo negociados com Tether (USDT) na quinta-feira.

Publicidade
Volume diário de negociações USDT/RUB
Volume diário de negociações USDT/RUB (Fonte: Kaiko)

A maior parte desse volume passou pela Binance, uma das muitas exchanges que operam na Rússia e que agora são pressionadas a fechar as contas dos clientes russos.

O vice-primeiro-ministro ucraniano e ministro da Transformação Digital, Mykhailo Fedorov, pediu que exchanges parem de atender usuários russos, defendendo ser “crucial congelar não apenas os endereços vinculados a políticos russos e bielorrussos, mas também sabotar usuários comuns”.

Um dia antes, Fedorov foi ao Twitter para pedir informações sobre carteiras de criptomoedas ligadas a políticos russos e bielorrussos, garantindo uma recompensa “generosa” para aqueles que o ajudassem.

Desde que o ministro publicou o pedido no domingo (27), duas importantes corretoras já afirmaram que não vão congelar contas russas em suas plataformas sem ordem judicial.

“Não vamos congelar unilateralmente milhões de contas de usuários inocentes”, disse um porta-voz da Binance à CNBC.

“Cripto destina-se a fornecer maior liberdade financeira para as pessoas em todo o mundo. Decidir unilateralmente proibir o acesso das pessoas às suas criptomoedas iria contra a razão pela qual a criptomoeda existe”, conclui o porta-voz.

Publicidade

Por sua vez, o CEO da Kraken, Jesse Powell, tuitou: “Eu entendo a lógica deste pedido, mas, apesar do meu profundo respeito pelo povo ucraniano, a Kraken não pode congelar as contas de nossos clientes russos sem uma exigência legal para isso”.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Bitcoin sobe mais de 3% após dado de inflação dos EUA cair em abril

Bitcoin sobe mais de 3% após dado de inflação dos EUA cair em abril

Bitcoin, Ethereum e outras criptomoedas sobem nesta quarta-feira após o relatório do CPI dos EUA mostrar que os preços subiram mais lentamente que o esperado
Imagem da matéria: Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Dados do CoinGecko mostram que o Bitcoin subiu cerca de 3% no último dia e no período de uma semana valorizou em 9%
Imagem da matéria: Drenador de carteiras de criptomoedas encerra negócio após roubar mais de US$ 85 milhões

Drenador de carteiras de criptomoedas encerra negócio após roubar mais de US$ 85 milhões

“Alcançamos nosso objetivo e agora, de acordo com o planejado, é hora de nos aposentarmos”, disseram os desenvolvedores do drenador de carteiras cripto
Silhueta de pessoa jogando videogame À frente de TV

Os maiores tokens de jogos lançados em 2024 – até agora

O Notcoin aparece na lista dos maiores tokens de jogos deste ano, ao lado de Pixels, Portal, Saga e muito mais