Imagem da matéria: Bitcoin e ouro não podem coexistir, afirma o CEO da MicroStrategy
(Foto: Shutterstock)

O CEO da MicroStrategy, Michael Saylor, sugeriu nesta semana que as comparações entre Bitcoin e ouro podem não ser totalmente precisas, e que o primeiro pode acabar canibalizando o último.

Respondendo a uma publicação no Substack de Anthony Pompliano, co-fundador do hedge fund Morgan Creek Digital, Saylor escreveu que “é perigoso pensar que ouro e bitcoin são investimentos semelhantes e complementares. Quando o #Bitcoin emergir de seu covil, a primeira coisa que ele comerá é o Reino do #Ouro. ”

Publicidade

Esse tipo de proselitismo faz sentido vindo de Saylor, cuja empresa de tecnologia de bilhões de dólares apostou alto no Bitcoin; a MicroStrategy agora tem mais de meio bilhão de dólares em Bitcoin. Em outubro, Saylor tweetou que ele possui pessoalmente 17.732 BTC. (Cerca de US$ 270 milhões, a preços de hoje.)

O potencial do Bitcoin como reserva de valor deu a ele o apelido de “ouro digital”, e muitos analistas permanecem desconfiados sobre se ele é ou não realmente viável como moeda transacional. Os preços do Bitcoin também foram historicamente correlacionados aos preços do ouro. O investidor bilionário Mike Novogratz disse isso à Bloomberg no mês passado: “O Bitcoin assim como o ouro digital vai continuar subindo”, disse ele. “Mais e mais pessoas vão querer isso como parte de seu portfólio.”

E embora Novogratz tenha sido relativamente otimista sobre as perspectivas do Bitcoin, seus comentários sobre a relação entre o Bitcoin e o ouro foram mais cautelosos do que os de Saylor. Em julho passado, Novogratz sugeriu que a volatilidade do Bitcoin continua sendo uma preocupação real e que ele recomendaria investir muito mais pesadamente em ouro.

Saylor, por sua vez, tweetou ontem que “os defensores do Bitcoin deveriam parar de se desculpar pela volatilidade” e que, pelo menos por um dia, o Bitcoin “era menos volátil do que NASDAQ, S&P 500, Dow Jones, Russell 2000, 10 e 30 Year Treasuries , Ouro, Prata, Apple, Amazon, Microsoft e Facebook. ”

Publicidade

Até agora, a aposta de Saylor e MicroStrategy no Bitcoin valeu a pena; o preço de 1 BTC permanece acima de US$ 15.000. Quando a MicroStrategy anunciou sua grande compra de Bitcoin, o preço do BTC era de cerca de US$ 11.500.

*Traduzido e editado com autorização da Decrypt.co
VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Alemanha continua vendendo Bitcoin e reserva cai de US$ 3 bi para US$ 223 milhões

Alemanha continua vendendo Bitcoin e reserva cai de US$ 3 bi para US$ 223 milhões

A 10x Research afirma que a pressão de venda do governo alemão está diminuindo e que o Bitcoin parece tecnicamente sobrevendido
Imagem da matéria: 5 fatores que podem levar o Bitcoin a US$ 100 mil até o fim de 2024

5 fatores que podem levar o Bitcoin a US$ 100 mil até o fim de 2024

Apesar da recente queda do mercado de criptomoedas, vários catalisadores oferecem uma oportunidade para os investidores de longo prazo que buscam um alívio
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin se mantém em US$ 63 mil enquanto Mt. Gox move US$ 2,8 bilhões

Manhã Cripto: Bitcoin se mantém em US$ 63 mil enquanto Mt. Gox move US$ 2,8 bilhões

Especialistas estão confiantes na capacidade do mercado absorver qualquer pressão de venda que possa vir dos credores da Mt. Gox
Imagem da matéria: Kraken devolve Bitcoin aos clientes da Mt. Gox uma década após invasão

Kraken devolve Bitcoin aos clientes da Mt. Gox uma década após invasão

Isso marca um dos capítulos finais na saga da Mt. Gox, que levou 10 anos para ser resolvida