Imagem da matéria: Bitcoin cai abaixo de US$ 23 mil com aumento dos juros na Europa
(Foto: Shutterstock)

Após ultrapassar o patamar de US$ 24 mil na quarta-feira (20), o bitcoin (BTC) voltou a cair nesta quinta-feira (21) para abaixo dos US$ 23 mil.

A mais recente movimentação de preço aconteceu após a fabricante de veículos elétricos Tesla informar ter vendido 75% de suas alocações em bitcoin, equivalentes a cerca de US$ 936 milhões, e o Banco Central Europeu (ou BCE) anunciar que as taxas de juros vão subir em cerca de 0,5 ponto percentual.

Publicidade

O preço do bitcoin reagiu rapidamente. Neste momento, o bitcoin está precificado em US$ 22.858, registrando uma queda de 3% nas últimas 24 horas, segundo dados do CoinMarketCap. Mais cedo, logo após o anúncio da alto dos juros na zona do euro, a criptomoeda chegou a cair quase 6%.

O mercado de criptomoedas como um todo também foi afetado: o ether (ETH) caiu em mais de 6% no último dia e está sendo negociado a US$ 1.548, enquanto diversos outros ativos caíram entre 6% e 9%.

Porém, nem tudo são más notícias para a maior criptomoeda do mundo. O chefão da Tesla, Elon Musk, afirmou que o desinvestimento da empresa de suas alocações em bitcoin “não deve ser considerado como um veredito sobre o bitcoin” e que a empresa vai “certamente” aumentar suas alocações em bitcoin no futuro.

O banco de investimentos JPMorgan também parece estar otimista em relação às criptomoedas. Em um relatório divulgado nesta quinta-feira, opinou que investidores do varejo estão demonstrando uma crescente demanda por ativos digitais.

Publicidade

“A fase extrema do ‘backwardation’ [quando a demanda de curto prazo é superior às expectativas em relação a prazos mais longos] visto em maio e junho, o mais extremo desde 2018, parece ter passado”, afirmaram os analistas.

Aumento de juros na Europa

Ainda veremos como será o desempenho do bitcoin e de outras criptomoedas no longo prazo após a iniciativa do BCE em aumentar as taxas de juros.

A decisão foi tomada em uma tentativa de controlar a desenfreada inflação na Zona do Euro, que chegou a 8,6% em junho. Também põe fim à taxa de juros negativa de -0,5% oferecida pelo BCE desde 2014.

Com o aumento nesta quinta-feira, a tomada de empréstimos será menos atrativa e, mesmo que ajude a lidar com parte das pressões inflacionárias na Zona do Euro, a volatilidade nos mercados, incluindo no setor cripto, poderá aumentar.

Publicidade

“Apesar da volatilidade de mercado e da mudança no contexto econômico, acreditamos que criptomoedas terão um enorme papel na próxima década — para investidores comuns e instituições de serviços financeiros”, disse um porta-voz da Bitstamp, a corretora cripto mais antiga da Europa, ao Decrypt.

A corretora também enfatizou que oscilações no setor cripto já aconteceram antes — assim como acontecem em outros mercados e setores — e que a forma correta de seguir em frente é implementar uma estrutura regulatória adequada.

“O que temos a dizer é que momentos como esse mostram por que é fundamental que regulamentações robustas sejam desenvolvidas para apresentar uma elevada estabilidade ao setor para apoiar os argumentos a favor de cripto como um sistema alternativo em épocas de juros em alta”, acrescentou o porta-voz da Bitstamp.

*Traduzido por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

Quer investir em ativos digitais, mas não sabe por onde começar? O Mercado Bitcoin oferece a melhor e mais segura experiência de negociação para quem está dando os primeiros passos na economia digital. Conheça o MB!

VOCÊ PODE GOSTAR
Sunny Pires surfando

Surfista brasileiro recebe patrocínio em criptomoedas de comunidade web3

Sunny Pires, de 18 anos, embarca neste mês em expedição à Nicarágua com apoio da comunidade web3 Nouns
Imagem da matéria: Entendendo as tecnologias por trás da tokenização de ativos | Opinião

Entendendo as tecnologias por trás da tokenização de ativos | Opinião

Apesar de chamara cada vez mais atenção, muitas pessoas ainda não sabem o que é a tokenização de ativos e como ela funciona
Imagem da matéria: Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Dados do CoinGecko mostram que o Bitcoin subiu cerca de 3% no último dia e no período de uma semana valorizou em 9%
Imagem da matéria: Como um trader cripto ganhou mais de US$ 100 mil com apenas dois tuítes

Como um trader cripto ganhou mais de US$ 100 mil com apenas dois tuítes

“Somente em criptomoeda.” A memecoin Pacmoon recompensou um usuário com um grande airdrop – que foi maior do que o esperado graças ao erro de um amigo