Logotipo do token FTT
Shutterstock

A exchange de criptomoedas Binance não conseguiu vender todo o seu estoque de tokens nativos da corretora FTX antes da empresa pedir recuperação judicial nesta sexta-feira (11). Segundo o Decrypt, ela ainda detém 5% da oferta total dos tokens FTT, que agora valem apenas US$ 65 milhões, mesmo após a promessa feita pelo CEO Changpeng CZ Zhao de vender todo o estoque.

O FTT é o utility token nativo da FTX, que concede aos titulares descontos nas taxas de negociação. Ele funciona como um programa de fidelização de clientes: quanto mais um usuário possui, maior o desconto que obtém em suas negociações na FTX. Ou, pelo menos, era assim que funcionava.

Publicidade

Uma pessoa familiarizada com a situação entre a Binance e a FTX disse ao Decrypt que a exchange conseguiu vender muito pouco do seu FTT antes de anunciar que tinha desistido do acordo com a rival. O FTT, que valia US$ 580 milhões no sábado, quando a Binance inicialmente acionou os alarmes fazendo movimentações do token, agora vale cerca de US$ 89 milhões.

Colapso da FTX

Os problemas começaram para a FTX na semana passada, após a Coindesk informar que pelo menos US$ 5 bilhões do balanço de US$ 14 bilhões da Alameda Research eram de FTT. Tanto a FTX como a Alameda foram fundadas e são propriedade do CEO da FTX, Sam Bankman-Fried, mas ele sempre sustentou que as duas entidades eram independentes. 

A notícia levou a Binance a começar a liquidar sua posição de FTT, que foi seguida por uma onda de pequenos investidores e traders tentando fazer o mesmo. Essa corrida fez o preço do FTT despencar e resultou em uma crise de liquidez para a FTX da qual, em última análise, ela não conseguiu recuperar.

A Binance acabou com uma grande posição FTT porque a FTX usou os tokens e stablecoins para recomprar a participação da empresa de CZ no ano passado. Com isso, a Binance decidiu sair de sua posição acionária após muitas divergências e preocupações fortes sobre o relacionamento de seu concorrente com a Alameda Research, disse uma fonte familiarizada com o acordo.

Publicidade

No momento, a carteira para a qual os tokens da Binance foram transferidos ainda tem 17 milhões de FTT, no valor de aproximadamente 65 milhões de dólares, segundo o Etherscan. A posição da Binance representa uma participação de 5% na oferta total de FTT. 

Na semana passada, o preço do FTT caiu 85%, passando de US$ 24,39 para US$ 3,80, de acordo com o CoinGecko

O token, que geralmente possui um volume diário de transações entre US$ 50 milhões e US$ 100 milhões, disparou para US$ 1,6 bilhão em volume no dia seguinte ao CEO da Binance, Changpeng Zhao, confirmar que a exchange estava vendendo seus FTTs. Depois, o volume aumentou novamente para US$ 4,4 bilhões na quarta-feira, quando a Binance anunciou que o acordo estava encerrado.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

Quer negociar mais de 200 ativos digitais na maior exchange da América Latina? Conheça o Mercado Bitcoin! Com 3,8 milhões de clientes, a plataforma do MB já movimentou mais de R$ 50 bilhões em trade in. Crie sua conta grátis!

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Propina paga a Eduardo Requião foi usada para investir na pirâmide financeira do "Rei do Bitcoin"

Propina paga a Eduardo Requião foi usada para investir na pirâmide financeira do “Rei do Bitcoin”

Nova operação da Polícia Federal visando fraudes no portos do Paraná revelou uma curiosa ligação entre o irmão do Roberto Requião e um dos maiores piramideiros do Brasil
Antônio Ais posa para foto ao lado de carro

Criador da Braiscompany, Antônio Neto Ais é solto na Argentina

O benefício de prisão domiciliar valerá até que o processo de extradição para Brasil seja resolvido
Imagem da matéria: Trader transforma US$ 27 mil em US$ 2 milhões ao antecipar alta da GameStop

Trader transforma US$ 27 mil em US$ 2 milhões ao antecipar alta da GameStop

O súbito ressurgimento das ações “memes” nesta semana rendeu uma pequena fortuna aos traders que nunca desistiram das loucuras de 2021
ilustração mostra logo da pepecoin PEPE subindo ao céu

PEPE e BONK valorizam mais de 30% nas últimas 24 horas

Memecoin PEPE bateu sua máxima histórica nesta terça-feira (21), em momento de forte aquecimento do mercado cripto