tatuagem de mike novogratz luna
Mike Novogratz e sua tatuagem feita em janeiro em homenagem a LUNA (Foto: Reprodução/Twitter)

Provavelmente Mike Novogratz só vai usar camiseta de manga comprida a partir de agora. O bilionário famoso na comunidade das criptomoedas fez, em janeiro deste ano, uma declaração de amor permanente no seu corpo à Terra (LUNA).

Ao compartilhar a imagem da sua tatuagem de um lobo uivando na lua cheia e a palavra “luna”, Novogratz declarou que havia se tornado oficialmente um lunatic, como são conhecidos os fãs boys da criptomoeda. Na ocasião, o ativo era cotado a US$ 84 — nesta quinta-feira (12) foi praticamente a zero.

Publicidade

No início do ano, ele pediu aos seus 457 mil seguidores no Twitter que assistissem ao que chamou de “crescimento estável” da LUNA. “Assista os novos projetos. Se eles crescerem, LUNA também crescerá. Mantenha a fé”.

Quem deu ouvidos ao bilionário não deve estar feliz em ver a LUNA se deteriorar a cada hora que passa. Nesta quinta-feira (12), a moeda atingiu a pior cotação da sua história de US$ 0,01 — uma desvalorização de 99,9% desde a máxima de US$ 119, alcançada no mês passado.

Enquanto isso, Novogratz se mantém silencioso nas redes sociais. Desde o dia 8, ele não posta nada nem no Twitter nem no Instagram — redes onde tem milhares de seguidores.

Tatuagem vira piada

Mike Novogratz tem — ou tinha — um relativo respeito na comunidade cripto por ter sido um dos primeiros investidores institucionais a comprar bitcoin para o caixa da sua empresa Galaxy Digital.

Publicidade

O flerte com a LUNA, no entanto, não pegou bem para a sua reputação. “Isso será tão embaraçoso em 6 meses”, previu o usuário @PlateLicker_21m em um tuíte de 9 de janeiro. 

Outros entraram na zueira e desenterraram a foto da tatuagem de Novogratz. “Bom trabalho, sua tatuagem ficou ótima!”, escreveu @BTCSolutionsTX, compartilhando os atuais gráficos vermelhos da LUNA. A tatuagem também inspirou diversos memes:

Desde que as criptomoedas do ecossistema da Terra desabaram, Mike Novagratz não se pronuncia nas redes sociais.

Apesar disso, ele parece estar online assistindo. No Twitter, onde o bilionário escrevia quase diariamente, ele está apenas favoritando tuítes.

Sobre a crise da LUNA, ele se limitou a curtir o tuíte de @Ithiel que dizia: “Manter o lastro não é sobre UST ou LUNA. É sobre BTC. É sobre ETH. Inferno, é sobre DOGE. É sobre todos as criptomoedas”.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Festa secreta em São Paulo agita a agenda do halving do Bitcoin

Festa secreta em São Paulo agita a agenda do halving do Bitcoin

O evento acontece no sábado (20) em São Paulo; veja como participar
Imagem da matéria: Fundos cripto do Brasil ficam atrás apenas dos EUA ao captar mais R$ 14 milhões na semana

Fundos cripto do Brasil ficam atrás apenas dos EUA ao captar mais R$ 14 milhões na semana

Fundos de investimento com foco em cripto do Brasil captaram US$ 2,9 milhões entre 22 e 29 de março
Imagem da matéria: Investidor transforma R$ 20 mil em R$ 178 milhões ao segurar Bitcoin por 12 anos

Investidor transforma R$ 20 mil em R$ 178 milhões ao segurar Bitcoin por 12 anos

Quando o investidor adquiriu 500 BTC em julho de 2012, a quantia valia R$ 20 mil; hoje, ultrapassa R$ 178 milhões
Imagem da matéria: Entenda os planos do governo para mudar a tributação de criptomoedas no Brasil

Entenda os planos do governo para mudar a tributação de criptomoedas no Brasil

Caso a lei seja aprovada, os ganhos com criptomoedas serão tributados por meio do sistema de alíquota de renda variável