Imagem da matéria: Baleias acumulam quase R$ 2 bilhões em Ethereum (ETH) em apenas dez dias
Foto: Shutterstock

Parece que o interesse por Ethereum (ETH) aumentou nos últimos dias entre os grandes investidores. As chamadas baleias voltaram a acumular quantias significativas da criptomoeda, após quatro meses de baixa atividade.

De acordo com a análise da empresa Santiment publicada nesta segunda-feira (2), as carteiras de baleias —  termo que se refere a investidores que detém grandes quantias de criptomoedas —  receberam 142.000 ETH nos últimos dez dias.

Publicidade

A quantia de novas moedas sendo acumuladas é equivalente a mais de R$ 1,9 bilhão, segundo a atual cotação de R$ 14 mil do Ether.

“Após um longo dump [despejo de moedas] que vinha acontecendo desde meados de dezembro, este é o nível mais sustentado de acumulação que vimos em mais de quatro meses”, escreveu a empresa de análises blockchain no Twitter.

Segundo o insight da Santiment, os 142.000 ETH foram adicionados nas carteiras em posse de baleias que detêm pelo menos 1.000 ETH e 10.000 ETH em seus balanços.

Baleias voltam a acumular Ethereum
Baleias voltam a acumular Ethereum (Fonte: Santiment)

Observando esses dados, um usuário no Twitter questionou por que o evento foi visto como uma “acumulação” em vez de um “derramamento”, uma vez que em toda transação, há um lado comprador e um vendedor.

Publicidade

Os especialistas da Santiment, no entanto, explicaram que os dados “refletem especificamente a porcentagem de propriedades de grandes baleias detentoras. Isso não mostra suas transações, mas a porcentagem da oferta mantida por elas”.

Baleias de Ethereum

De acordo com a lista do Etherscan dos endereços que mais acumulam ether atualmente, a maior parte pertence a empresas e projetos construídos sobre o Ethereum e que já são conhecidos pelo público.

Mesmo assim, há endereços com enormes quantias de criptomoedas cujo detentores são desconhecidos. É um mistério, por exemplo, quem detém o quinto e sexto maior endereço de Ethereum do mercado. Só essas duas carteiras possuem 2,85% de todo fornecimento de ethereum disponível, um total de 3.400.504 ETH.

Embora uma acumulação mais sustentável de pesos pesados do mercado seja um sinal positivo, o preço da criptomoeda reage de forma diferente ao longo da semana.

Publicidade

Segundo o CoinGecko, o ether registra uma desvalorização de 18,8% no mês, sendo os últimos 14 dias responsáveis por 6,4% dessa queda.

No entanto, a segunda maior criptomoeda do mundo parece ensaiar uma recuperação nas últimas 24 horas, subindo 1,8% e sendo negociada agora a US$ 2.820.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Entendendo as tecnologias por trás da tokenização de ativos | Opinião

Entendendo as tecnologias por trás da tokenização de ativos | Opinião

Apesar de chamara cada vez mais atenção, muitas pessoas ainda não sabem o que é a tokenização de ativos e como ela funciona
Antônio Neto Ais e Fabrícia Campos, casal que lidera a Braiscompany (Foto: Reprodução/Instagram)

MPF faz nova denúncia contra donos da Braiscompany e doleiro por lavagem de dinheiro

Antônio Neto e Fabrícia Farias realizaram operações financeiras de grande porte com características de lavagem de dinheiro em pleno colapso da pirâmide
Imagem da matéria: El Salvador lança site de Bitcoin e revela quantas criptomoedas possui hoje; confira

El Salvador lança site de Bitcoin e revela quantas criptomoedas possui hoje; confira

Segundo os dados do mempool, El Salvador comprou 30 bitcoins no último mês
hackers em frente a computadores

Exchange de criptomoedas Rain perde US$ 14,8 milhões em ataque hacker

A exchange disse que já tomou as medidas necessárias e que todas as sua atividades estão funcionando normalmente, inclusive saques