Fachada da B3, a bolsa de valores do Brasil, em São Paulo
Foto: Shutterstock

A principal bolsa de valores brasileira, a B3, mudou nesta quarta-feira (1º) a apresentação de seu projeto de negociação de contratos de futuros de criptomoedas após o Portal do Bitcoin pedir detalhes da operação.

A B3 diz que a timeline em português estava certa hoje de manhã mas que a versão inglês estava errada.

Publicidade

No anúncio original, na versão em inglês do site, a B3 havia marcado a data de 31 de março de 2023 como dia no qual os também chamados derivativos passariam a estar disponíveis. “Go Live”, foi a expressão usada na data em questão.

A previsão era que o Bitcoin seria o primeiro criptoativo que teria autorizada a negociação em contratos de futuros.

A suposta data começou a ser alvo de especulações no mercado, uma vez que a informação mais recente dizia que a B3 ainda precisava de autorização dos organismos reguladores para lançar a modalidade.

Mas esse material foi alterado, sem avisos, logo após o Portal do Bitcoin solicitar a confirmação da B3 sobre a data. Agora, o site da bolsa em inglês diz que o “Go Live” é dia 30 de junho.

A versão em português da página também foi alterada. O evento do dia 30 de junho é chamado de “Previsão de Lançamento”, mas vem acompanhada de uma mensagem de que o cronograma está sujeito à aprovação dos reguladores.

Publicidade

Veja abaixo as três linhas do tempo diferentes apresentadas pela maior bolsa de valores do Brasil.

Em inglês, antes do Portal do Bitcoin pedir detalhes nesta quarta-feira (1º):

Em inglês, após o Portal do Bitcoin pedir detalhes nesta quarta-feira (1º):

Em português, após o Portal do Bitcoin pedir detalhes nesta quarta-feira (1º):

A B3 enviou um comunicado para a reportagem confirmando que a nova data prevista para lançamento do contrato futuro de Bitcoin é o fim do segundo trimestre de 2023, mediante aprovação dos reguladores.

“O ajuste do cronograma em relação à previsão de lançamento no fim do primeiro trimestre foi necessário em função do maior tempo para o processo de análise e aprovação que acontece entre a B3 e os reguladores antes do lançamento de um produto novo. A previsão anterior, no entanto, estava incorretamente divulgada na versão em inglês do site Clientes e já foi corrigida”, afirma a Bolsa de Valores.

Em seu anúncio, a B3 disse que com os contratos de Futuros de Criptomoedas os “investidores terão mais uma alternativa de acesso à variação de preços dos criptoativos, de forma regulada e segura” e que esses produtos “facilitam a diversificação de estratégias para quem já opera outros instrumentos como os ETFs de Criptomoedas e o mercado spot de criptoativos”.

Futuros de Bitcoin

O mercado de futuros funciona por meio da realização de contratos que são firmados no momento, mas que são liquidados em uma data futura previamente estabelecida. Porém, a cotação do valor do ativo com o qual se está negociando será a do dia no qual o contrato foi fechado. Isso permite tanto uma série de apostas sobre os rumos das cotações.

Publicidade

Caso uma empresa possua dívidas em dólar, por exemplo, ela pode fazer opções de futuros da moeda americana, caso tenha a previsão de que o dólar tende a se valorizar — uma forma de ter acesso à moeda por uma cotação inferior.

No caso do Bitcoin, a aposta acontece sobre o valor futuro da principal criptomoeda e normalmente é feita como um investimento especulativo.

Em 2020, o canal Investificar publicou um artigo no Portal do Bitcoin explicando o funcionamento do mercado de futuros envolvendo o par Bitcoin e Dólar, explicando inclusive o tipo de cálculo que é feito pelos traders na hora de decidir por uma investimento em derivativos.

*Atualização: a reportagem foi atualizado com nova posição da B3 sobre as alterações do calendário.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Mesmo que ETF de Ethereum seja aprovado, pode levar semanas para estrear nas bolsas; entenda

Mesmo que ETF de Ethereum seja aprovado, pode levar semanas para estrear nas bolsas; entenda

Sinal verde da SEC esta semana é apenas o primeiro passo para o lançamento do ETF de Ethereum
Imagem da matéria: Minerador sortudo de Bitcoin resolve bloco sozinho e fatura R$ 1 milhão

Minerador sortudo de Bitcoin resolve bloco sozinho e fatura R$ 1 milhão

Minerador solo completou o bloco 843.231 do Bitcoin usando software da CKpool
Imagem da matéria: Criptomoeda desaba 99% após hacker invadir projeto e chamá-lo de "copia e cola"

Criptomoeda desaba 99% após hacker invadir projeto e chamá-lo de “copia e cola”

Após derrubar o preço da memecoin NORMIE, hacker ofereceu devolver fundos se os criadores do projeto fizerem melhorias no código
Imagem da matéria: Mercado Bitcoin anuncia três novas listagens: BVM, RIO e AEVO

Mercado Bitcoin anuncia três novas listagens: BVM, RIO e AEVO

As novidades ampliam as opções de investimento na plataforma que já somam mais de 220 ativos