Imagem da matéria: Análise Técnica Bitcoin 29/09/19: Tendência de baixa segue intacta

Houve queda no preço bitcoin abaixo do suporte de US$ 9.000 que levou a cotação a ficar abaixo do suporte de US$ 8.000. Atualmente a criptomoeda está consolidando as perdas.

Há um canal de baixa se formando com resistência próxima a US$ 8.350 no gráfico de 4 horas do par BTC/USD.

Publicidade

O preço permanece com risco de mais perdas, desde que continue sendo negociado abaixo da área de resistência de US$ 8.750.

Análise semanal do preço do Bitcoin (BTC)

Na semana passada, houve um forte declínio no BTC abaixo da área de suporte de US$ 10.000 em relação ao dólar. O par BTC/USD quebrou muitos suportes perto de US$ 9.500 e US$ 9.000 para entrar em uma zona de baixa. Além disso, houve um fechamento abaixo de US$ 9.000 e a média móvel simples de 100 (4 horas). Finalmente, o preço quebrou o suporte de US$ 8.000 e foi negociado para uma nova baixa mensal perto de US$ 7.742.

Recentemente, iniciou uma correção acima de US$ 8.000. Além disso, houve uma quebra acima do nível de retração de 50% de Fibonacci. No entanto, o movimento ascendente foi limitado pelo nível de US$ 8.450.

Agora há um canal de baixa se formando com resistência próxima a US$ 8.350 no gráfico de 4 horas do par BTC/USD. Se houver um rompimento acima de US$ 8.350 e US$ 8.450, o preço poderá se recuperar ainda mais. A principal resistência no lado positivo está perto de US$ 8.750. É necessário um fechamento bem-sucedido acima de US$ 8.750 e um acompanhamento acima de US$ 9.000 para uma forte recuperação no bitcoin no curto prazo.

Publicidade

No lado negativo, um suporte inicial está próximo dos níveis de US$ 7.900 e US$ 7.850. Se houver uma quebra abaixo do suporte de US$ 7.850, o preço poderá atingir novas mínimas. O principal objetivo para os ursos pode ser de US$ 7.500. Se houver mais desvantagens, talvez o preço possa testar US$ 7.200.

Olhando para o gráfico, o preço do bitcoin está claramente sendo negociado em uma zona de baixa abaixo dos níveis de resistência de US$ 8.750 e US$ 9.000. Parece que há chances de mais quedas abaixo de US$ 7.850 e US$ 7.750. Quando a onda atual estiver concluída perto de US$ 7.500 ou US$ 7.200, o preço poderá iniciar uma forte recuperação.

  • A análise foi traduzida do site NewsBTC e não é uma indicação de compra ou venda.

Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
bitcoin brilhando na mão

Semler Scientific investe US$ 40 milhões em Bitcoin e ações disparam 25%

As ações da Semler Scientific subiram 25% após a entidade anunciar a adoção do Bitcoin como principal ativo de reserva do tesouro
Michaël van de Poppe em vídeo no Youtube

“É hora de investir em altcoins como Ethereum além do Bitcoin”, diz Michaël van de Poppe

Citando o Ethereum com uma das opções, o analista diz que o mercado de altcoins já passou por correção e que a tendência agora é de alta
Imagem da matéria: Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Bitcoin entra em onda de alta e atinge o seu maior preço desde o halving

Dados do CoinGecko mostram que o Bitcoin subiu cerca de 3% no último dia e no período de uma semana valorizou em 9%
moeda de bitcoin ao lado de celular com logo da mt gox

Manhã Cripto: Bitcoin cai após Mt. Gox mover US$ 9 bilhões em BTC

A grande movimentação de Bitcoin pela Mt. Gox é um sinal de que, muito em breve, os investidores lesados pelo hack de 2014 serão ressarcidos