Imagem da matéria: Administrador do Dinheiro da Mt Gox Vendeu US$ 400 Milhões em Bitcoin
Falência da antiga maior exchange do mundo trouxe grande prejuízo (Crédito: John Lester)

O responsável pela massa de criptoativos da defunta Mt. Gox vendeu cerca de US$ 400 milhões em bitcoin e bitcoin cash entre setembro de 2017 e fevereiro de 2018.

Em um documento documento divulgado em PDF nesta quarta-feira (07), o administrador da empresa, Nobuaki Kobayashi, que foi imposto pelo governo japonês, disse que a decisão foi tomada depois de uma reunião com os credores.

Publicidade

Segundo o site CCN, Kobayashi disse que a venda era importante para assegurar uma certa quantidade de dinheiro para a distribuição de recursos.

“Fiz esforços para vender os BTC e BCH no preço mais alto possível”, disse.

Preços em queda

Há, contudo, informações contraditórias sobre as datas das vendas. O site Trustnodes afirma que uma análise dos dados da blockchain relaciona as datas da venda com crash de dezembro e as subsequentes quedas de preço do bitcoin.

Os endereços da empresa são bem conhecidos pelos ‘detetives’ da blockchain. Um deles mostra a venda de 2000 btc no dia 18 de dezembro. No mesmo dia a valor caiu de US$ 19 mil para US$ 18 mil.

Nos dias subsequentes, pelo menos 20 mil bitcoins foram vendidos com intervalos regulares de tempo. No dia 5 de fevereiro, aconteceu a maior venda: 18 mil btcs, o que teria jogado os preços para baixo.

Publicidade

A reportagem sugere que outros fatores poderiam colaborar para a queda, mas, ao mesmo tempo, a Ethereum se manteve com os preços estáveis até janeiro, quando o humor do mercado virou para todas as criptomoedas.

Histórico

A Mt Gox era administrada por Mark Karpeles, um americano criado na França, e era a maior exchange do mercado. Ela entrou em colapso em meio a alegações de fraude e má administração no início de 2014. Centenas de milhões de dólares em bitcoin – aos preços atuais – foram perdidos, embora, em última instância, 202.000 BTC foram mantidos como ativos, sob a custódia de um agente fiduciário.

Depois disso, o Mt Gox entrou em falência e, desde então, esteve no centro de um processo, incluindo uma reivindicação de US$ 75 milhões da CoinLab. Os promotores no Japão mais tarde acusaram Karpeles e ele será julgado pela Justiça do país.

Leia Também: BNDES Criará Token no Blockchain da Ethereum

 

BitcoinTrade

A primeira plataforma Brasileira que você pode comprar com segurança utilizando o seu Cartão de Crédito como forma de pagamento. Eles aceitam Visa e Mastercard. A BitcoinTrade ainda conta com certificação de segurança PCI Compliance, a única no Brasil. Acesse aqui: https://www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Moedas de Bitcoin sobre mesa espelhada

Análise: o preço do Bitcoin está novamente sendo ditado pela política do Fed

“Análise dos últimos 40 dias revela uma maior alinhamento com as expectativas de taxa de juros para junho”, diz firma de análises CoinShares
Imagem da matéria: Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

As baleias de Bitcoin compraram avidamente a última queda; investidores de longo prazo agora aguardam a próxima alta para realizar lucros
Imagem da matéria: '101 Perguntas sobre Bitcoin': Editora Portal do Bitcoin lança livro sobre a criptomoeda mais famosa do mundo

‘101 Perguntas sobre Bitcoin’: Editora Portal do Bitcoin lança livro sobre a criptomoeda mais famosa do mundo

A obra discorre os princípios técnicos da moeda até suas implicações socioeconômicas no contexto atual, de modo a proporcionar um entendimento profundo ao público geral
Donald Trump ex-presidente dos EUA

Donald Trump recebe compradores de seus NFTs em jantar de luxo

O ex-presidente resolveu aproveitar o dia de folga do Tribunal de Nova York para receber os apoiadores no resort de luxo Mar-a-Lago