Imagem da matéria: Acusados de golpe com falsos trades no mercado forex podem ir para cadeia nos EUA
Foto: Shutterstock

O Departamento de Justiça dos EUA (DoJ) comunicou na última sexta-feira (09) que indiciou dois americanos e um holandês por conspiração, fraude eletrônica e lavagem de dinheiro no mercado forex.

Segundo a ação federal protocolada no Distrito Sul da Flórida na última quinta-feira (08), o golpe, que ocorreu há cerca de nove anos, teria arrecadado US$ 30 milhões dos investidores.

Publicidade

De acordo com os documentos do tribunal, os acusados são Patrick Gallagher, de 44 anos, morador de Middleborough, Massachusetts; Michael Dion, 49, de Orlando, Flórida; e o holandês Emade Echadi, de 41 anos.

Segundo a publicação, os esquemas ocorreram no ano de 2012, quando Dion e Gallagher ofereceram a várias pessoas investimentos em uma suposta corretora de câmbio chamada Global Forex Management.

Para persuadir os investidores, o grupo mostrava dados alterados de negociações feitas anteriormente no mercado forex, prometendo-lhes grandes retornos com base em resultados.

Eles diziam às vítimas que seus fundos seriam negociados usando uma plataforma de negociação online fornecida pela empresa de Echadi, a IB Capital, conforme o relatório.

Publicidade

“Em maio de 2012, eles supostamente executaram seu esquema criando intencionalmente negociações perdedoras para os investidores e roubaram US$ 30 milhões de suas vítimas”, diz a nota do Departamento de Justiça.

Os acusados vão responder por fraude em oferta de valores mobiliários, fraude em títulos e fraude eletrônica para lavagem de dinheiro. Se condenados, eles podem pegar mais de 20 anos de prisão.

VOCÊ PODE GOSTAR
Donald Trump posa para foto em evento político nos EUA

Trump se apresenta como ‘criptopresidente’ em evento de arrecadação de fundos

O candidato presidencial republicano dobrou sua postura pró-cripto durante evento em São Francisco, EUA
Imagem da matéria: Morte de John McAfee completa 3 anos; relembre a história do “pai do antivírus” e defensor do Bitcoin

Morte de John McAfee completa 3 anos; relembre a história do “pai do antivírus” e defensor do Bitcoin

Não importa o quão fascinante tenha sido sua visão libertária para anarcocapitalistas ou o quão decepcionante foi para seus seguidores sua vida regada a álcool e drogas: John McAfee teve um final trágico