Imagem da matéria: A regulação do mercado de criptomoedas e blockchain no Brasil já está em curso
Foto: Shutterstock

A regulação da criptoeconomia está em curso, acompanhando o crescente interesse de instituições financeiras nos benefícios da tecnologia blockchain e em empresas de criptoativos.

Algumas notícias publicadas ao longo deste ano apontam a direção em que a regulação da criptoeconomia está caminhando.

Publicidade

Reguladores e investidores institucionais estão olhando para o setor de blockchain e criptoativos com crescente atenção, como mostram:

A recém-encerrada audiência pública do sandbox da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que possibilita a criação de ambientes regulatórios experimentais;

A seleção de startups da área para os programas de aceleração de bancos como o Itaú e o BNDES;

A emissão de títulos do Banco Mundial registrados em Blockchain;

O lançamento do criptoativo do BTG Pactual para investimentos no mercado imobiliário; e

O uso de blockchain e tokenização para simplificar processos e aumentar a transparência dos financiamentos do BNDES, entre outros.

A regulação é necessária para o setor, mesmo que vá de encontro ao caráter libertário e descentralizado das criptomoedas.

É uma tecnologia com o potencial de mudar o mercado financeiro, mas para isso, é preciso garantir a segurança jurídica dos investidores e operadores.

Além disso, é uma forma de valorizar a profissionalização do mercado e coibir a atuação de players desonestos que acabam prejudicando a imagem de outras empresas do setor.

Uma vez que este mercado esteja regulado, surgirão novas oportunidades, modelos de negócios antes impossíveis e novas demandas para as empresas do ecossistema suprirem. Como por exemplo, tokenização de ativos e security tokens.

Soluções da criptoeconomia aplicadas ao mercado financeiro estão sendo cada vez mais discutidas.

Em agosto deste ano, grandes nomes de ambos os mercados se reuniram no BlockTrends, no Rio de Janeiro, para falar sobre projetos, expectativas para o futuro e avanços regulatórios.

Publicidade

A regulação está acontecendo e com ela virá a economia do futuro, onde a criptoeconomia, o mercado financeiro e o de capitais trabalharão em conjunto para evoluir cada vez mais.

Sobre o autor

Fernando Carvalho é CEO da QR Capital, gestora de criptoativos.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Empresário "vende" Bitcoin durante discurso para formandos nos EUA e recebe onda de vaias

Empresário “vende” Bitcoin durante discurso para formandos nos EUA e recebe onda de vaias

O discurso de formatura da Ohio State University incluiu defesa do Bitcoin e cantorias que chocaram o público
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin sobe 2% e recupera os US$ 65 mil; Bitso lança campanha para vítimas das chuvas no RS

Manhã Cripto: Bitcoin sobe 2% e recupera os US$ 65 mil; Bitso lança campanha para vítimas das chuvas no RS

No final de semana, o Bitcoin atingiu a marca de um bilhão de transações processadas desde o seu lançamento
Mão segurando celular com o logo da carteira de criptomoedas MetaMask

MetaMask lança sistema para acabar com prática que drena dinheiro dos usuários do Ethereum

Smart Transactions busca fazer com que clientes sejam protegidos da prática de máximo valor extraível na blockchain Ethereum
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 64 mil; CEO da Binance clama para que “colega querido” seja libertado da prisão

Manhã Cripto: Bitcoin recua para US$ 64 mil; CEO da Binance clama para que “colega querido” seja libertado da prisão

Richard Teng fez uma publicação para pedir que as autoridades da Nigéria libertem Tigran Gambaryan