Imagem da matéria: “2019 será o ano do ETF do Bitcoin”, diz diretor da Bitwise após registrar novo pedido na SEC
(Foto: Shutterstock)

Depois de ter o primeiro pedido de ETF de Bitcoin rejeitado, a Bitwise, empresa que gerencia fundos no mercado de criptomoedas, registrou uma nova solicitação na Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC) na quinta-feira (10).

Desta vez, o novo ETF (fundos de índices comercializados como ações) para rastrear bitcoin da gestora vem mais robusto.

Publicidade

De acordo com um comunicado de imprensa, o novo produto será listado na NYSE Arca, exchange subsidiária da Intercontinental Exchange. Sendo assim, o novo produto do ETF de bitcoin da Bitwise vai acompanhar o índice BTC da bolsa.

No Twitter, a empresa também mostrou-se animada.

“A Bitwise foi pessoalmente à SEC apresentar a declaração de registro inicial no Formulário S-1 relativa ao pedido de registro de um novo ETF”.

A empresa acredita que agora, após quase um ano de pesquisa aprofundada, pode fornecer à SEC o tipo de informação e dados que a Agência indicou ter faltado na última análise.

A gestora diz que nesta oportunidade não deixará dúvidas à Agência em relação a seu plano de prevenção a manipulação de mercado, assim como promover preços justos e liquidez.

Sobre isso, Matt Hougan, chefe de pesquisa global da Bitwise, discorreu:

“A SEC fez perguntas importantes sobre qualidade na criptoeconomia, a confiabilidade dos preços de criptomoedas, a segurança na arbitragem e na custódia. Nós passamos 2018 pesquisando essas questões e estamos ansiosos para discutir com a equipe da SEC em relação ao pedido de registro e listagem”.

Publicidade

John Hyland, diretor global de ETF da Bitwise, também se pronunciou. Ele disse que está muito esperançoso na aprovação.

“Embora não haja garantias e o pedido passe por revisões, estamos otimistas de que o ano de 2019 será o ano de lançamento de um ETF de Bitcoin”, disse Hyland.

SEC vai se pronunciar em fevereiro

Tendo utilizado todos os adiamentos permitidos por lei, a SEC deve aprovar ou rejeitar em fevereiro as propostas de ETF de Bitcoin realizadas em 2018 pela parceiras VanEck e SolidX, empresas do setor de gestão de investimentos e de tecnologia blockchain, respectivamente.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Ilustração de baleia nadando com moeda de bitcoin em seu interior

Baleia movimenta R$ 321 milhões em Bitcoin pela 1ª vez em uma década

Quando o investidor desconhecido adquiriu os bitcoins em 2013, a cotação do ativo não passava de US$ 120
Michaël van de Poppe em vídeo no Youtube

“É hora de investir em altcoins como Ethereum além do Bitcoin”, diz Michaël van de Poppe

Citando o Ethereum com uma das opções, o analista diz que o mercado de altcoins já passou por correção e que a tendência agora é de alta
Imagem da matéria: Questões sociais são desafio para debate do Bitcoin, diz autor de livro da Editora Portal do Bitcoin

Questões sociais são desafio para debate do Bitcoin, diz autor de livro da Editora Portal do Bitcoin

“Parte técnica você descreve como funciona e acabou. Nas vacas sagradas leva um bom tanto de desconstrução de conceitos”, diz Breno Brito
martelo de juiz com logo da binance no fundo

Governo dos EUA contrata empresa para monitorar a Binance

A Forensic Risk Alliance venceu a disputa contra a Sullivan & Cromwell, que atuou no caso FTX