Imagem da matéria: Venda de desenhos de Tarsila do Amaral como NFTs gera polêmica sobre autenticidade das obras
Obra de Tarsila do Amaral em formato NFT (Divulgação: Zeitls)

Um conjunto de obras da pintora brasileira Tarsila do Amaral está sendo vendido em um mercado de NFTs e, apesar de terem a autorização dos herdeiros da artista para serem comercializados, alguns desses desenhos hoje são alvo de um processo na Justiça por ainda não ter a autenticidade reconhecida.

A empresa suíça Zeitls lançou um site, chamado apenas Tarsila, para vender os NFTs, que no total somam 225 tokens de diferentes obras coloridas criadas a partir das originais da artista. Cada NFT custa 0,3 ETH, o que atualmente equivale a pouco mais de R$ 3.400.

Publicidade

“Em colaboração com o legado de Tarsila do Amaral, apresentamos um acervo único de arte digital. Ao aproveitar o poder da inteligência artificial, somos capazes de dar nova vida a algumas das obras inacabadas, mas icônicas, de Tarsila”, diz o site da coleção.

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, o projeto teve autorização de pelo menos três herdeiros de Tarsila e é tocado por Paola Montenegro, sobrinha-bisneta da pintora agora à frente da empresa que cuida dos direitos autorais de sua tia.

Disputa pela autenticidade

Ainda de acordo com o jornal, porém, os desenhos da coleção são alvo de um processo movido por Alípio Neto, o proprietário das obras, que busca um certificado confirmando que as obras são de autoria de Tarsila.

À Folha, Paulo Montenegro, um dos herdeiros de Tarsila, diz não poder atestar a veracidade dos desenhos, mas ele e outro herdeiro, Luis Paulo Estanislau do Amaral, assinaram um documento para a coleção de NFTs dizendo que são originais.

Publicidade

Ao ser questionado pela publicação ele afirmou que “não tinha olhado por esse lado”, mas entendeu que ao assinar o documento ele confirma a veracidade das obras, mesmo que indiretamente.

Daniela Zschaber, gerente de estratégia da Zeitls no Brasil, diz que a empresa “tem a certeza da originalidade das obras”. Segundo ela, a Zeitls tem o propósito de difundir a arte brasileira no exterior.

You May Also Like
Imagem da matéria: Quem está ganhando a "guerra" no mercado NFT entre Ethereum, Solana e Bitcoin?

Quem está ganhando a “guerra” no mercado NFT entre Ethereum, Solana e Bitcoin?

Será que o “Diamonds” do Magic Eden conseguiu diminuir a distância na briga dos marketplaces de NFT? Veja o que os dados mais recentes mostram
polícia civil do ceará apreende carros de luxo

Polícia apreende R$ 14 milhões em bens de grupo suspeito de golpe com criptomoedas; influencer é um dos alvos

Durante a operação “Restauração” na sexta-feira, agentes da Polícia Civil do Ceará sequestraram carros de luxo, imóveis, criptomoedas e outros bens
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) estaciona em US$ 52 mil em meio a apostas de novas máximas; Reino Unido quer regular stablecoins em 6 meses

Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) estaciona em US$ 52 mil em meio a apostas de novas máximas; Reino Unido quer regular stablecoins em 6 meses

Bitcoin opera com leve queda na manhã desta terça-feira (20), enquanto o Ethereum teve avanço modesto, ainda abaixo de US$ 3 mil
Imagem da matéria: CME Group lança futuros de Bitcoin e Ethereum na Europa

CME Group lança futuros de Bitcoin e Ethereum na Europa

Com o aumento dos fundos denominados em dólares dos EUA, o marketplace de derivativos CME lança uma versão baseada em euros