Imagem da matéria: Twitch vai Aceitar Doações a Jogadores em Bitcoin e Outras Criptomoedas
(Foto: Shutterstock)

O Streamlab, um dos aplicativos de transmissão ao vivo mais conhecidos no mundo, recebeu um novo protocolo e agora vai permitir que os streamers do Twitch recebam doações em criptomoedas. O anúncio foi feito no próprio blog da empresa no início do mês. 

De acordo com as explicações de Tom Maneri, CEO da empresa e também fundador da plataforma Twitch, para começar a receber as doações, os usuários terão que ir até a página de configurações e selecionar a opção ‘Coinbase’, que é a exchange parceira do projeto e que vai processar o pagamento.

Publicidade

Feito isso, é necessário logar na Coinbase ou criar uma nova conta, assim as duas plataformas estarão conectadas, criando, assim, o caminho das doações dos telespectadores, as quais poderão serem realizadas em Bitcoin, Ethereum, Litecoin e Bitcoin Cash.

Caso o usuário queira reverter o processo é só acessar a mesma opção de configurações no Streamlab e desconectar a Coinbase.

O Streamlab é gratuito e suporta o Twitch, Youtube, Mixer, Facebook Live, Periscope, Picarto e, em breve, o Hitbox.

A empresa queria muito entrar nesse novo mercado que, segundo eles, é substancial e crescente. Ela também deixou claro que novas criptomoedas serão adicionadas em breve na plataforma.

De acordo com Maneri, não haverá cobrança de nenhuma taxa por parte da Streamlab, mas na Coinbase, como a maioria dos usuários já sabe, explicou ele, existem as taxas tradicionais de saques, principalmente se for em moeda fiat.

Publicidade

Outra coisa que o CEO ressaltou é que não haverá mudança na forma de receber as doações. Do mesmo jeito que o usuário recebe o alerta para as doações em moeda fiat, receberá para as criptomoedas. Portanto, só muda o destino dos ganhos. A companhia disse que já pagou mais de US$ 34 milhões em doações somente no primeiro trimestre de 2018.

Os entusiastas de criptomoedas, amantes de jogos e games certamente ficarão satisfeitos com a integração das duas plataformas e dos ganhos diferenciados, pois o Twitch é um site de jogos extremamente popular e está entre os 50 mais visitados do mundo.

O Twitch é de propriedade da Amazon, que há muito tem sido amigável com as criptomoedas. A plataforma aceita pagamentos de assinaturas com Bitcoin desde 2014.

‘Fortnite’ é o game mais assistido no Brasil

No Brasil, a plataforma é bem conhecida e possui milhares de fãs. A cultura ‘gamer’ aqui é muito bem cultivada e reúne milhares de pessoas em diversos eventos pelo país.

Publicidade

Até o presente momento, os vídeos mais assistidos no Twitch são do ‘Fortnite’, que é um jogo gratuito e funciona em vários equipamentos: PC, PlayStation4 e Xbox One. Segundo o site Canaltech, são impressionantes 6.500 transmissões simultâneas e cerca de 150.000 mil usuários assistindo a qualquer momento.

No ano passado, entre os brasileiros, reinou em absoluto o ‘League of Legends’, seguido do ‘Counter-Strike: Global Offensive’ e do ‘PlayerUnknown’s Battlegrounds’, de acordo como o site Esportsprobr.

 

BitcoinTrade

A BitcoinTrade é a melhor solução para compra e venda de criptomoedas.
Negocie Bitcoin, Ethereum e Litecoin com total segurança e liquidez.
Acesse agora ou baixe nosso aplicativo para iOs ou Android:
https://www.bitcointrade.com.br/

VOCÊ PODE GOSTAR
o que é mineração de bitcoin

Dificuldade de mineração de Bitcoin está despencando, mas por quê?

A redução no preço do Bitcoin, combinada com a diminuição das recompensas de mineração, resulta em menos mineradores e em uma rede menos robusta — pelo menos por enquanto
Anic de Almeida Peixoto Herdy é casada com herdeiro da Unigranrio

Herdeira é sequestrada em Petrópolis e criminosos exigem resgate em Bitcoin

Técnico de informática amigo do casal conversou com sequestradores por entender de criptomoedas e foi preso por suspeita de envolvimento
trader segura moeda de bitcoin em frente a grafico em computador

Bolsa de Chicago planeja lançar negociação de Bitcoin à vista, diz jornal

O objetivo é capitalizar a crescente demanda este ano entre os gestores de Wall Street para ganhar exposição ao setor de criptomoedas
Ilustração de baleia nadando com moeda de bitcoin em seu interior

Baleia movimenta R$ 321 milhões em Bitcoin pela 1ª vez em uma década

Quando o investidor desconhecido adquiriu os bitcoins em 2013, a cotação do ativo não passava de US$ 120