Ampleforth está lançando sua algorítmica unidade de conta na Avalanche, rede adversária da Ethereum.

“Por conta do ambiente regulatório em evolução e da incerteza sobre qual será o veredito para stablecoins, é importante que DeFi tenham um alicerce financeiro que seja descentralizado, incensurável e tenha alguns aspectos de previsibilidade de preço ou estabilidade”, explicou Evan Kuo, CEO da Fragments, Inc., empresa responsável pelo desenvolvimento do Ampleforth Protocol.

Publicidade

O protocolo Ampleforth ajusta o fornecimento total diário ao transferir a volatilidade do preço para o fornecimento e, assim, a política de fornecimento do protocolo não depende de bancos ou credores tradicionais.

Ampleforth ajusta seu fornecimento total por meio de um mecanismo chamado “ajuste de base” (ou “rebasing”, em inglês). Detentores do token AMPL ou terão seus tokens “queimados”, se o preço do AMPL cair abaixo de US$ 1, ou receberão mais tokens AMPL se o preço exceder US$ 1.

No entanto, eventos de ajuste de base são extremamente voláteis, marcados por diversas altas e baixas bruscas. Neste momento, por exemplo, o token está sendo negociado a US$ 1,74, segundo o site CoinGecko.

“É irônico que o ecossistema DeFi dependa tanto de stablecoins centralizadas para [obter] liquidez e garantir empréstimos”, acrescentou Kuo.

Avalanche, por sua vez, é um blockchain de primeira camada que oferece compatibilidade com a Ethereum Virtual Machine (EVM), responsável por manter o consenso no blockchain.

Desde agosto, o ecossistema DeFi desenvolvido no blockchain Avalanche cresceu para mais de US$ 8 bilhões de valor total bloqueado (TVL). Além disso, é composto de mais de 40 corretoras descentralizadas e protocolos.

Publicidade

Na verdade, Avalanche possui 8% de todo o TVL do setor DeFi, que consiste em US$ 105 bilhões, de acordo com o site DeFi Pulse.

DeFi sob ataque

A indústria DeFi atingiu novas altas no último ano, mas esse progresso não passou ileso pela supervisão regulatória.

Este ano, Gary Gensler, presidente da SEC, afirmou que muitas plataformas DeFi podem estar hospedando valores mobiliários não registrados, acrescentando que essas plataformas “não apenas estão sujeitas às leis de valores mobiliários; algumas plataformas também podem estar sujeitas às leis de commodities e bancárias”.

Ontem (25), Gensler reiterou sua fala, afirmando que DeFi vão terminar mal se proteções robustas a investidores não forem implementadas. Com isso, reproduz alguns dos alertas feitos pela senadora Elizabeth Warren, uma das figuras mais presentes na política americana atual.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização da Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
moeda de Bitcoin ao lado de letreiro com ETF

ETFs de Bitcoin estão de volta? Ganhos de R$ 1,9 bilhão marcam o melhor dia em mais de um mês

ETF da Grayscale teve mais entradas do que saídas pela primeira vez em semanas
Ministro Zhaslan Madiyev ex-gerente Binance Cazaquistão

Gerente da Binance é nomeado ministro de Desenvolvimento Digital no Cazaquistão

Depois de passagens por bancos e órgãos do governo cazaquistanês, Zhaslan Madiyev ocupa agora o maior cargo do Ministério de Desenvolvimento Digital, Inovações e Indústria Aeroespacial
Imagem da matéria: Bitcoin cai mas analistas ainda acreditam que preço vai chegar a US$ 150 mil este ano

Bitcoin cai mas analistas ainda acreditam que preço vai chegar a US$ 150 mil este ano

A AllianceBernstein concorda com os analistas do Standard Chartered e acredita que o preço do BTC mais que dobrará nos próximos 18 meses
o que é mineração de bitcoin

Dificuldade de mineração de Bitcoin está despencando, mas por quê?

A redução no preço do Bitcoin, combinada com a diminuição das recompensas de mineração, resulta em menos mineradores e em uma rede menos robusta — pelo menos por enquanto