Imagem da matéria: PT registra propostas de Lula e Haddad na blockchain para combater fake news
Fernando Haddad e Lula (Foto: Divulgação/PT)

O Partido dos Trabalhadores (PT) recorreu à tecnologia das criptomoedas para garantir a autenticidade dos planos de governo de seus dois principais candidatos no segundo turno: Lula para a Presidência da República e Fernando Haddad para o governo do estado de São Paulo.

Uma nota publicada nesta quarta-feira (26) no site de Haddad confirma que os planos de governos de ambos os candidatos foram registrados em blockchain

Publicidade

“Uma tecnologia inovadora e incorruptível de registros distribuídos por computadores pelo mundo todo que também está por trás da moeda Bitcoin, e vem sendo apontada como solução para cidades inteligentes e governos transparentes”, descreve a nota.

O texto diz que o intuito de usar a tecnologia é um recurso contra o que classificam de “rede bolsonarista de ódio e mentiras” que, segundo o partido, vem modificando digitalmente as propostas dos candidatos do PT para “manipular” eleitores que vão votar nas eleições deste domingo (30).

Blockchain nas eleições

A tecnologia blockchain já foi usada por Fernando Haddad nas eleições de 2018, quando ele tentava se eleger presidente. Ele registrou seu plano de governo na blockchain Decred, usada mais uma vez nesta eleição.

 “Os Planos de Governo foram registrados em uma criptomoeda aberta, progressiva e autofinanciada com um sistema de governança baseado na comunidade, integrado ao seu blockchain, a Decred, e podem ser baixados no TSE e conferidos no verificador da Decred.”

Publicidade

Para provar a autenticidade das propostas de governo, foi feita a transferência dos arquivos para a blockchain, o que gerou códigos de identificação dos documentos (também conhecidos como hashs), que são únicos.

Vinicius Russo e Fernando Henriques, desenvolvedores por trás da iniciativa, explicam ser “muito simples” verificar se os planos de governos são autênticos.

“Basta subir o arquivo do Plano de Governo que você pode ter recebido por WhatsApp, e-mail etc, no site da Decred, e comparar o código que aparece (o “digest”) com o código disponível no site do Lula e do Haddad”. 

O hash do plano original do Haddad verificável no Decred é: 8d09ed1d25892d2e4c4ce2b486dacaea792bb5cfd92de9e026e8899620d81953.

Quer investir em ativos digitais, mas não sabe por onde começar? O Mercado Bitcoin oferece a melhor e mais segura experiência de negociação para quem está dando os primeiros passos na economia digital. Conheça o MB!

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: B3 lança plataforma de ativos tokenizados para facilitar captação de recursos por empresas e startups

B3 lança plataforma de ativos tokenizados para facilitar captação de recursos por empresas e startups

Segundo a B3, o lançamento reforça o compromisso da Bolsa com o crescimento de startups e pequenas e médias empresas
Amostra de NFT de tênis da Adidas par ao jogo Move to Earn

Adidas lança NFTs de tênis de R$ 13 mil em parceria com empresa cripto Stepn

A gigante de roupas esportivas Adidas fez parceria com o jogo baseado na rede Solana para lançar alguns tênis virtuais de corrida
Tela de celular mostra logo da Comissão de Valores Mobiliários do Brasil CVM

CVM ganhou R$ 832 milhões com multas aplicadas em 2023, um aumento de 1.791%

A autarquia também registrou o maior número de casos julgados desde 2019
mescla de dólares e moedas de bitcoin sobre a mesa

O halving já está precificado? Desvendando a questão do preço do Bitcoin

O halving do Bitcoin já está precificado para o mercado? Apresentamos uma retrospectiva de exemplos históricos