Imagem da matéria: Propaganda de fan token do Arsenal é suspensa no Reino Unido
Foto: Shutterstock

A Autoridade de Padrões de Propaganda do Reino Unido (ou ASA, na sigla em inglês) baniu duas propagandas para o fan token $AFC do Arsenal FC, afirmando que o time de futebol estava enganando fãs sobre os riscos associados às criptomoedas.

ASA disse que os anúncios “trivializaram o investimento em criptoativos e obtinham vantagem da falta de experiência ou credulidade dos clientes” e “falhou em ilustrar o risco do investimento”, além de não deixar claro que o token era um criptoativo.

Publicidade

Em resposta, o Arsenal FC irá recorrer a uma revisão independente da decisão da ASA.

“Levamos bem a sério nossa responsabilidade em relação ao marketing para nossos fãs. Consideramos com cuidado as comunicações aos fãs em relação a nossas promoções e fornecemos informações relacionadas a riscos financeiros”, afirmou um porta-voz do time de futebol ao The Guardian.

De acordo com Tim Payton, líder do Arsenal Supporters Trust, o time não está fazendo o suficiente. Ele afirmou que o Arsenal deveria ter um “maior dever de responsabilidade em relação a seus fãs”.

Fan tokens

Em meio à controvérsia, fan tokens de futebol dispararam em popularidade este ano.

Fãs dos maiores times de futebol do mundo já gastaram mais de US$ 350 milhões em fan tokens.

De acordo com a BBC, 24 clubes das maiores ligas europeias (como a premier League na Inglaterra e La Liga na Espanha) lançaram fan tokens.

Grande parte dos fãs tokens são apenas criptomoedas específicas de clubes, mas outros (como Manchester City) também estão vendendo tokens não fungíveis (ou NFTs).

Publicidade

Socios, uma empresa que está no centro da febre dos fan tokens, vendeu cerca de £ 300 milhões de moedas do clube até agora.

Ainda assim, apesar do crescimento de fan tokens, diversos fãs de futebol falaram sobre a intrusão das criptomoedas em seu lindo esporte.

“Meu conhecimento sobre o mercado de criptomoedas é, no mínimo, vago e sou provavelmente um exemplo de um grande número de típicos apoiadores de futebol que não são traders no mercado cripto”, afirmou Sue Watson, fã do West Ham FC, à BBC.

“Algumas pessoas vão ganhar muito dinheiro com isso, mas é quase certeza de que não será o fã comum de futebol por aí”, afirmou Martin Calladine, escritor de futebol, também à BBC.

Publicidade

Em outubro, “This is Anfield”, uma plataforma independente de notícias relacionadas ao Liverpool FC, publicou um artigo intitulado “Por que Liverpool FC deve continuar evitando uma parceria de fan tokens com a Socios”.

“É negociação de criptomoedas mascarada de envolvimento com fãs. A presença dos fãs fiéis fornece uma pequena quantia de estabilidade, mas o valor irá oscilar bastante com base nas ações dos traders que não são fãs”, segundo o artigo.

A decisão da ASA vem em meio a uma grande repressão a anúncios de criptomoedas da agência, que considera uma “área crucial e de propriedade” para sua supervisão.

“Onde encontrarmos problemas, iremos reprimir bastante e de forma rápida”, afirmou Miles Lockwood, diretor de denúncias e investigações da ASA, em entrevista ao Financial Times.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Epik Duck: Conheça o projeto que foi de piada a memecoin de US$ 25 milhões

Epik Duck: Conheça o projeto que foi de piada a memecoin de US$ 25 milhões

Memecoins como a EPIK estão se tornando cada vez mais populares no universo das criptomoedas. Isso é bom ou ruim?
busto de homem engravatado simulando gesto de pare

CVM proíbe corretora de criptomoedas e forex de captar clientes no Brasil

O órgão determinou, sob multa diária de R$ 1 mil, a imediata suspensão de qualquer oferta pública de valores mobiliários pela Xpoken
Imagem da matéria: "Centavo épico" de Bitcoin é usado para inscrever música da Grimes gerada por IA

“Centavo épico” de Bitcoin é usado para inscrever música da Grimes gerada por IA

Ordinals com uma música gerada por IA da Grimes foi inscrito num satoshi “épico” de Bitcoin avaliado em mais de R$ 10 milhões
Imagem da matéria: FIT21: Conheça o projeto de lei que promete transformar a regulação das criptomoedas nos EUA

FIT21: Conheça o projeto de lei que promete transformar a regulação das criptomoedas nos EUA

Aprovado na Câmara esta semana, o projeto FIT21 visa regular o setor de criptomoedas dando segurança para consumidores e estimulando empreendedores