Imagem da matéria: Polkadot (DOT) lança parachains para aumentar a escalabilidade da rede
Foto: Shutterstock

No último fim de semana, Polkadot atingiu um novo marco em seu roteiro de desenvolvimento (ou “roadmap”) para aumentar a escalabilidade de sua rede.

Os primeiros parachains (executados por Acala Network, Moonbeam, Parallel Finance, Astar e Clover) foram lançados na rede Polkadot. Um parachain é uma espécie de blockchain individual e soberano, executado sobre a Polkadot.

Publicidade

A Polkadot almeja a eficiência para que transações não compitam com todos os outros contratos autônomos no mesmo ecossistema.

Parachains também mitigam a necessidade de redes dependerem de soluções de escalabilidade em segunda camada para reduzir o congestionamento. Basicamente, é como se sua aplicação descentralizada (ou dapp) tivesse um blockchain só para ela.

É por isso que a Polkadot se define como um protocolo de “Camada Zero”: parachains seriam os blockchains de primeira camada (como o Bitcoin e a Ethereum) executados paralelamente em uma base em comum.

Inicialmente, a Polkadot irá oferecer suporte para 100 parachains. Alocações serão feitas por meio de leilões que irão garantir um lugar por até 96 semanas. O próximo leilão acontecerá nesta quinta-feira (23), quando seis novos parachains vão ser alocados.

O lançamento oficial de parachains é a culminação de uma iniciativa de desenvolvedores seguida de forma entusiástica pela comunidade.

Logo após desenvolvedores da Polkadot anunciarem a implementação bem-sucedida do primeiro parachain na rede de testes Kusama em maio, Polkadot embarcou em uma sequência positiva que culminou na listagem de DOT na Coinbase.

Publicidade

Polkadot e Gavin Wood

A Polkadot foi fundada em 2020 por Gavin Wood (um dos cofundadores da Ethereum). Wood afirma que não existe motivo para ficar em apenas um blockchain.

“O modelo de parachains foi criado com a crença de que o futuro da Web 3 irá envolver muitos tipos diferentes de blockchains trabalhando juntos”, afirmou Wood em uma declaração compartilhada pela equipe da Polkadot.

“Assim como a atual versão da internet atende diferentes necessidades, blockchains devem conseguir fornecer uma variedade de serviços. Parachains solucionam isso.”

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Fachada da GameStop em Tyler no Texas

GameStop e AMC desabam com fim da euforia do retorno de Roaring Kitty

As ações memes da GameStop e AMC caíram drasticamente após a abertura dos mercados dos EUA na quinta-feira, recuando pelo menos 15%
Joe Biden posa para foto

Biden expulsa mineradora cripto chinesa de área próxima a base militar: “Risco de espionagem”

O governo afirma que a MineOne possui equipamentos especializados de origem estrangeira potencialmente capazes de facilitar atividades de vigilância e espionagem
Imagem da matéria: Binance demitiu funcionário que descobriu manipulação milionária de cliente da corretora, diz jornal

Binance demitiu funcionário que descobriu manipulação milionária de cliente da corretora, diz jornal

Uma semana antes da demissão, o funcionário produziu um relatório afirmando que a DWF Labs lucrou milhões através da manipulação de mercado de seis tokens
Imagem da matéria: Corretoras fazem ação para ajudar vítimas de enchentes no RS; 4 vão dobrar doações de usuários

Corretoras fazem ação para ajudar vítimas de enchentes no RS; 4 vão dobrar doações de usuários

Binance irá doar vouchers de tokens BNB para moradores do Rio Grande do Sul, enquanto Bitso, Foxbit, Bybit e OKX irão dobrar os valores doados por seus clientes