Imagem da matéria: Polícia de Kosovo confisca centenas de máquinas de mineração de bitcoin em meio a crise de energia
Mineradora clandestina em Kosovo (Foto: Polícia local)

A polícia do Kosovo anunciou o confisco de mais de 300 dispositivos para a mineração de bitcoin (BTC) desde que as operações contra mineradores começaram na semana passada.

Na última quinta-feira (6), a polícia afirmou ter confiscado 67 dispositivos de mineração “suspeitos de serem usados para a produção de criptomoedas” em uma operação na cidade de  South Mitrovica.

Publicidade

Já no último sábado (8), autoridades informaram que assistiram a alfândega do país a confiscar outras máquinas para mineração do modelo Antminer na municipalidade de Leposavic. Uma pessoa foi presa durante a operação, segundo a polícia.

Em outro comunicado de imprensa, a polícia de Kosovo afirmou que também havia confiscado 39 máquinas para a mineração de bitcoin na cidade de Pristina, a capital do país.

Ao elogiar a operação policial, a ministra da Economia Artane Rizvanolli foi ao Twitter para afirmar que o confisco significa que contribuintes vão poupar “dezenas de milhares de euros por mês”.

A crise energética do Kosovo

O governo do Kosovo declarou um estado de emergência de 60 dias para lidar com sua crise energética em dezembro, após uma proibição total à mineração de bitcoin e outras criptomoedas na semana passada.

Publicidade

O país do sudeste da Europa passou por sua maior paralisação de usinas de energia movidas a carvão em dezembro por conta de uma falha técnica, forçando o Kosovo a importar eletricidade de seu país vizinho, a Sérvia.

No entanto, em meio a seus próprios problemas de infraestrutura combinados com temperaturas congelantes e fortes nevascas, a Sérvia perdeu 1/3 de sua capacidade energética, resultando em preços mais altos.

Mapa do Kosovo, na Europa (Imagem: Shutterstock)

Kosovo, que possui uma população de 1,8 milhão de pessoas, agora está importando mais de 40% de sua energia consumida, de acordo com a Reuters.

O governo afirma que o estado de emergência permitiu que instaurasse cortes de energia e realocasse o dinheiro para importações. Ainda assim, críticos questionaram o motivo para banir a mineração de bitcoin.

Publicidade

“Não existe uma base jurídica suficiente para a proibição da mineração de criptomoedas, considerando que nenhuma lei específica regula essa questão”, disse Arber Jashari, especialista jurídico de Kosovo, em entrevista ao Balkan Insight na última semana.

Legisladores do Kosovo criaram um projeto de lei sobre criptomoedas em outubro de 2021. Embora a previsão era que o parlamento adotasse a legislação até o fim de 2021, ainda está pendente.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Ilustração de moeda gigante de Bitcoin observada por investidores e prestes a ser cortada ao meio

CEO da Morgan Creek Capital prevê Bitcoin a US$ 150 mil após o halving

Para o CEO da Morgan Creek Capital Management, o FOMO (medo de ficar de fora) deve ser um dos fatores que vão alavancar o preço BTC após o halving
moeda de bitcoin e ethereum com gráfico ao fundo

Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) supera US$ 72 mil com halving cada vez mais próximo; ETH dispara 6%

É a primeira vez que o Bitcoin bate a marca de US$ 72 mil desde meados de março
Paolo Ong, da SEC Filipinas

Termina prazo para saída da Binance das Filipinas e reguladores avisam: “Não há como sacar fundos após bloqueio”

“Não podemos endossar nenhum método de como retirar seu dinheiro agora que a ordem de bloqueio foi emitida”, disse o regulador filipino
Imagem da matéria: ETF de Bitcoin da BlackRock é o 3º mais investido por brasileiros no exterior

ETF de Bitcoin da BlackRock é o 3º mais investido por brasileiros no exterior

Produto da BlackRock fica atrás apenas dos ETFs que seguem o índice S&P 500 e o setor imobiliário dos EUA