Imagem da matéria: Panamá aprova lei que regulamenta criptomoedas no país
(Foto: Shutterstock)

A Assembleia Legislativa do Panamá, país na América Central, aprovou na quinta-feira (28) o Projeto de Lei nº 697, que regula o mercado de criptomoedas no Estado. Segundo anúncio do Parlamento no Twitter, agora só falta a assinatura do presidente Laurentino Cortizo para a nova lei começar a valer.

Se sancionadas por Cortizo, as novas regras vão permitir aos reguladores estabelecerem empresas do setor de comércio com criptomoedas. Elas poderão fazer operações de venda, troca, pagamentos e também tokenização de ativos reais, como ouro e pedras preciosas.

Publicidade

No Twitter, o autor do projeto, deputado Gabriel Silva, ressaltou que “a única coisa que falta é a assinatura do Presidente”. Ele acrescentou: “Obrigado a todos que apoiaram. Isso vai ajudar a criar empregos e inclusão financeira”.

O tema sobre a regulamentação do mercado de criptomoedas no Panamá vinha sendo discutido desde pelo menos junho do ano passado, pegando a frente o deputado Gabriel.

Àquela altura, o presidente de El Salvador, Nayib Bukele, estava há dois dias a anunciar a aprovação de um projeto de lei salvadorenho que mais tarde, em 7 de setembro, reconheceria o Bitcoin como moeda de curso legal no país. 

Com o discurso “Panamá não pode ficar para trás”, Gabriel Silva deu os primeiros passos políticos para o que ele acredita que pode levar o território a se consolidar como um polo de inovação e tecnologia na América Latina.

Publicidade

Panamá na lista do GAFI

O Panamá, que possui 4,3 milhões de habitantes, segundo dados de 2020 do Banco Mundial, faz parte da última lista de países que mais ameaçam o sistema financeiro mundial, segundo o Grupo de Ação Financeira contra Lavagem de Dinheiro e Financiamento do Terrorismo (GAFI/FATF).

O novo relatório foi publicado pela Comissão de Valores Mobiliários do Brasil (CVM) no início deste mês.

O documento, revisado periodicamente pela força-tarefa, alerta sobre regiões que possuem deficiências estratégicas na prevenção de crimes financeiros e por isso requerem monitoramento.

Isso, diz o documento, significa que o país deve se comprometer a resolver as deficiências identificadas dentro de prazos acordados.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: EUA tentam recuperar R$ 13 mi que golpistas enviaram à Binance para cometer lavagem de dinheiro

EUA tentam recuperar R$ 13 mi que golpistas enviaram à Binance para cometer lavagem de dinheiro

Esquema usando o golpe de “abate de porcos” lavou US$ 2,5 milhões em USDT, da Tether, em duas contas na Binance
jogo hamster kombat em tela de celular

Hamster Kombat (HMSTR) já está no pré-mercado; veja como negociar

Hamster Kombat já tem ordens de compra e venda fixadas no pré-mercado de grandes corretoras
Imagem da matéria: Em evento na Europa, Vitalik Buterin discute melhorias cruciais para evolução do Ethereum

Em evento na Europa, Vitalik Buterin discute melhorias cruciais para evolução do Ethereum

Além de uma palestra de Vitalik Buterin, evento focado em Ethereum mostrou a força do Brasil na comunidade e reconhecimento como um hub na América Latina
Imagem da matéria: Senador que chamou Bitcoin de "escolha ideal para criminosos" é condenado por corrupção

Senador que chamou Bitcoin de “escolha ideal para criminosos” é condenado por corrupção

“Este caso sempre foi sobre níveis chocantes de corrupção”, disse o procurador dos EUA