Imagem da matéria: OKEx Também Suspenderá Saques e Depósitos de Bitcoin Dia 31

OKEx, a exchange do grupo internacional da OKCoin revelou detalhes das medidas sendo tomadas antes do potencial UASF dia 1 de agosto.

Lançado no final de maio deste ano, a OKEx tornou-se a exchange internacional da chinesa OKCoin. Em um anúncio hoje, a OKEx revelou que suspenderá depósitos e retiradas de Bitcoin entre 31 de julho e 02 de agosto “devido a possíveis riscos técnicos, como ataques de repetição e outras questões que podem causar instabilidade na rede”.

Publicidade

Leia Também: GDAX Irá Parar Saques e Depósitos Dia 1º de Agosto

“Acreditamos que a luta pelo futuro do Bitcoin baseou-se em ideias técnicas, e não em teorias de conspiração”, disse a OKEx.

No caso de ocorrer uma divisão na blockchain do bitcoin, a OKEx se compromete aos usuários entregar as moedas de cada blockchain. E também garante aos usuários suporte para qualquer tipo de bitcoin possível como resultado da divisão.

A exchange também alertou para medidas que incluem a suspensão de contas ou a reversão de negociações se for constatada qualquer manipulação maliciosa do mercado durante a suspensão de 3 dias.

 

VOCÊ PODE GOSTAR
Moeda do Bitcoin envolta por raios (Lightning Network)

Lightning Labs está trazendo stablecoins para a blockchain do Bitcoin

“Ideia é ter dólares criptografados e stablecoins na blockchain do Bitcoin”, explicou Elizabeth Stark, CEO da Lightning Labs
Ilustração de baleia nadando com moeda de bitcoin em seu interior

Baleia movimenta R$ 321 milhões em Bitcoin pela 1ª vez em uma década

Quando o investidor desconhecido adquiriu os bitcoins em 2013, a cotação do ativo não passava de US$ 120
moeda de Bitcoin ao lado de letreiro com ETF

Estado dos EUA investe R$ 510 milhões em ETF de Bitcoin da BlackRock

O investimento foi confirmado hoje pelo Conselho de Investimentos do Estado de Wisconsin (SWIB)
Imagem da matéria: Bitcoin cai mas analistas ainda acreditam que preço vai chegar a US$ 150 mil este ano

Bitcoin cai mas analistas ainda acreditam que preço vai chegar a US$ 150 mil este ano

A AllianceBernstein concorda com os analistas do Standard Chartered e acredita que o preço do BTC mais que dobrará nos próximos 18 meses