Imagem da matéria: O Futuro das Novas Criptomoedas

Em menos de um dia, o Bitcoin, a criptomoeda mais famosa, caiu 13% chegando a US$ 13030. Relembrando, em 17 de dezembro de 2017, o Bitcoin atingiu seus valores máximos e foi negociado ao preço de US$ 20.042. Assim, em comparação com suas máximas, sua cotação caiu em 30%.

Então, no outro dia, o co-fundador do site Bitcoin.com, Emil Oldenburg, disse que o bitcoin não tem perspectivas como moeda comercial. Os especialistas da indústria concordam com ele, comentando sobre a lentidão do Bitcoin, o que limita seu uso como uso do pagamento na economia real.

Publicidade

As características tecnológicas do blockchain não podem fazer pagamentos rápidos, a velocidade de processamento da transação é em média de 10 a 30 minutos com uma taxa de transferência muito alta, o que é inaceitável para o uso do bitcoin no setor real da economia. Apesar do crescente interesse em Bitcoin, não poderia se tornar uma alternativa a moeda fiduciária. Hoje, o Bitcoin é visto como um instrumento de investimento em ativos de alto risco, mas nada mais.

Sem dúvida, durante muito tempo entre a comunidade blockchain, houve uma disputa sobre a necessidade de criar uma nova criptomoeda, capaz de atender às necessidades dos clientes mais exigentes. Um projeto como esse poderia ser a plataforma blockchain CREDITS, que desenvolveu sua própria blockchain com contratos inteligentes. Os desenvolvedores afirmam que a plataforma será capaz de lidar com mais de 1 milhão de transações por segundo com uma comissão relativamente pequena. Vale ressaltar que a plataforma é focada principalmente em serviços financeiros, pagamentos, Internet das Coisas, onde são necessários pagamentos rápidos e seguros. Devido às suas características técnicas, a plataforma CREDITS expande as possibilidades de usar a tecnologia blockchain em um setor real da economia.

Christophe Ozcan, CEO da Crypto4All, acredita que a CREDITS é um dos projetos tecnologicamente mais avançados de 2017 e está incluído nos 3 melhores projetos. O mercado precisa de transações rápidas e econômicas, mantendo um alto nível de segurança de armazenamento de dados. Portanto, a CREDITS tem todas as chances de se tornar o líder mundial em sistemas de pagamento blockchain.

De acordo com o CEO Igor Chugunov, o projeto está em fase final, a versão alfa está sendo testada, cuja apresentação está prevista para a segundo trimestre de 2018. Já hoje estão em curso negociações com uma série de potenciais usuários da plataforma, que ficam impressionados com seus recursos e estão prontos para desenvolver suas próprias aplicações com base na blockchain CREDITS.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Traders mudam o foco para este novo projeto após Ali Martinez fazer advertência quanto ao Ethereum e ao Bitcoin 

Traders mudam o foco para este novo projeto após Ali Martinez fazer advertência quanto ao Ethereum e ao Bitcoin 

À medida que o mercado de criptomoedas continua a crescer em popularidade,…
Imagem da matéria: Analista cripto faz projeção ousada para Dogecoin, enquanto Uniswap atinge US$ 2 trilhões em volume total e KangaMoon sobe 290%

Analista cripto faz projeção ousada para Dogecoin, enquanto Uniswap atinge US$ 2 trilhões em volume total e KangaMoon sobe 290%

Com a data do halving do Bitcoin se aproximando, traders e investidores…
Imagem da matéria: Melhores criptomoedas com perspectiva de alta para comprar em abril

Melhores criptomoedas com perspectiva de alta para comprar em abril

Abril de 2024 promete novas possibilidades emocionantes, com players estabelecidos como ApeCoin…
Imagem da matéria: Coinbase: 40 mil brasileiros já se beneficiaram com R$ 7 milhões em recompensas de aprendizagem da Coinbase

Coinbase: 40 mil brasileiros já se beneficiaram com R$ 7 milhões em recompensas de aprendizagem da Coinbase

A distribuição de, até agora, R$ 7 milhões em recompensas da Coinbase…