Imagem da matéria: Nova Frente Parlamentar de Blockchain terá a missão de criar leis e atrair investimentos, diz deputado
Blockchain será tema de trabalho de uma Frente Parlamentar (Foto: Shutterstock)

A Frente Parlamentar de Blockchain e Inovação (FPBI) está muito próxima de se tornar realidade. O deputado Caio Vianna (PSD/RJ) conseguiu assinaturas de 200 deputados, o que já supera o mínimo necessário de 198 assinaturas — um terço dos deputados. Para ser oficializada, a Frente Parlamentar agora aguarda o despacho do Presidente da Casa, Arthur Lira (PP/AL).

Em entrevista ao Portal do Bitcoin, Vianna explicou que a missão do projeto é fomentar a inovação e o setor tecnológico no Brasil. De um ponto de vista mais prático, a ambição é criar e aprovar leis. 

Publicidade

“A elaboração de leis que encorajem e normatizem a aplicação da blockchain em diferentes áreas é uma de nossas prioridades, mas também nos empenhamos em atrair investimentos, sejam eles da esfera pública ou privada”, disse. 

Um dos desafios será levar o tema da blockchain para deputados que não tem nenhuma familiaridade com o assunto. Sobre isso, Vianna diz que a Frente “está comprometida em abordar este tópico de forma consistente e didática realizando diversos debates para esclarecer e aprofundar o entendimento sobre o assunto”. 

Segundo o deputado, serão feitas audiências para tratar de blockchain, tokenização, universo digital, Web3, inteligência artificial e muito mais. Caio Vianna será o presidente da Frente Parlamentar, com coordenações específicas dentro do grupo ficando sob liderança de outros deputados. 

VOCÊ PODE GOSTAR
Antônio Neto Ais e Fabrícia Campos, casal que lidera a Braiscompany (Foto: Reprodução/Instagram)

MPF faz nova denúncia contra donos da Braiscompany e doleiro por lavagem de dinheiro

Antônio Neto e Fabrícia Farias realizaram operações financeiras de grande porte com características de lavagem de dinheiro em pleno colapso da pirâmide
simbolo do dolar formado em numeros

Faculdade de Direito da USP recebe evento da CVM sobre democratização dos mercados de capitais

Centro de Regulação e Inovação Aplicada (CRIA) da CVM vai a “Tecnologia e Democratização dos Mercados de Capitais no Brasil” com transmissão ao vivo no Youtube
CEO do MB Reinlado Rabelo em evento da CVM na USP

“A Bolsa é sim lugar de startups”, diz CEO do Mercado Bitcoin em evento da CVM

Reinaldo Rabelo participou do evento do “Tecnologia e Democratização dos Mercados de Capitais no Brasil”
miniatura de homem sob pulpito e moeda gigante de bitcoin ao lado

Brasileiros não podem usar criptomoedas para fazer doações nas eleições municipais

A Procuradoria-Geral da República explicou as regras de doações para as eleições municipais de 2024