Imagem da matéria: MetaMask libera uso do PayPal para compra de Ethereum (ETH)
(Foto: Shutterstock)

A MetaMask adicionou uma integração do PayPal à sua carteira de criptomoedas, permitindo que os usuários dos EUA comprem Ethereum (ETH) diretamente do aplicativo. Embora o recurso ainda não esteja disponível para os usuários fora dos EUA, a MetaMask tem planos para lançar lentamente o recurso “nas próximas semanas.”

De acordo com anúncio feito na quarta-feira (14), a integração do PayPal só estará disponível através do aplicativo móvel MetaMask. A extensão do navegador MetaMask já oferece aos usuários dos EUA a capacidade de comprar criptomoedas diretamente de sua carteira através da CoinbasePay, Transak, MoonPay ou Wyre.

Publicidade

Em um comunicado, o gerente de produto da MetaMask, Lorenzo Santos, disse que o novo recurso tornará mais fácil para os usuários se aventurarem ainda mais na Web3.

“Essa integração com o PayPal permitirá que nossos usuários dos EUA não apenas comprem criptoativos sem problemas através da MetaMask, mas também explorem facilmente o ecossistema Web3“, disse Santos.

Santos disse ao Decrypt por e-mail que a integração do PayPal estará disponível na extensão do navegador de desktop da MetaMask “no próximo trimestre.”

Ele também confirmou que a taxa de serviço de 1% da MetaMask será aplicada a todas as compras, além das taxas do PayPal também aplicáveis. Quando perguntado se a taxa de compra in-app de 30% da Apple também se aplicaria a essas compras de ETH feitas no aplicativo móvel MetaMask, Santos disse que “não pode fornecer nenhuma informação sobre isso no momento.”

Publicidade

Menos atrito

A nova integração da MetaMask com o PayPal também pode ajudar a reduzir o atrito no processo de integração, permitindo que aqueles que são novos no universo dos criptoativos evitem o complicado processo de compra de criptomoedas por meio de uma exchange—e, em seguida, tenham que enviar fundos cuidadosamente para sua carteira MetaMask.

A notícia chamou a atenção dos usuários do PayPal nos EUA e marca o mais recente movimento da empresa no mercado de criptomoedas. O PayPal começou a oferecer aos usuários a capacidade de comprar e vender criptomoedas em 2020, mas apenas Bitcoin, Ethereum, Bitcoin Cash e Litecoin, e os usuários não podiam transferir essas criptomoedas para outras carteiras como a MetaMask até junho deste ano. 

Não é surpresa que a MetaMask esteja focada em oferecer aos seus usuários as compras de ETH em primeiro lugar. Ao contrário das carteiras concorrentes, como a Phantom e a Coinbase Wallet, a MetaMask continua a ser unicamente uma carteira EVM, ou seja, outras blockchains além do Ethereum, suas sidechains e protocolos de camada 2 não tem suporte para integração.

A empresa-mãe da MetaMask, ConsenSys, também é gerida pelo cofundador da Ethereum, Joe Lubin, e continua a ser uma empresa focada em Ethereum. 

Publicidade

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

Participe da comunidade de WEB3 que mais cresce no Brasil. Clique aqui e venha conversar no Discord com os maiores especialistas do país.

VOCÊ PODE GOSTAR
Foco em uma moeda dourada de Ethereum (ETH)

Aprovação do ETF de Ethereum pode acontecer antes do esperado, diz Coinbase

Maior exchange de criptomoedas dos EUA, a Coinbase está confiante de que a SEC aprovará ETFs de Ethereum à vista muito em breve, apesar do pessimismo mais amplo
Sam Bankman-Fried da FTX falando em vídeo

Criador da FTX vai mudar de presídio nos Estados Unidos

Transferência de presídio pode durar até um mês nos EUA, com o detento sendo levado para várias penitenciárias até chegar ao destino final
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Câmara dos EUA aprova nova lei cripto em dia decisivo para ETFs de Ethereum

Manhã Cripto: Câmara dos EUA aprova nova lei cripto em dia decisivo para ETFs de Ethereum

Nesta quinta-feira termina o prazo para a SEC aprovar ou rejeitar o ETF de Ethereum da VanEck
Imagem da matéria: O que é o Notcoin? Conheça o jogo baseado em Telegram, o token NOT e os planos futuros

O que é o Notcoin? Conheça o jogo baseado em Telegram, o token NOT e os planos futuros

Notcoin é um jogo baseado no Telegram que nos últimos meses acumulou um total de 35 milhões de jogadores