Moeda de Bitcoin à frente de logotipo Facebook
Shutterstock

A Meta, empresa por trás do Facebook e Instagram, poderá em breve liberar anúncios de ETFs de Bitcoin nas plataformas, segundo informações do The Wall Street Journal na sexta-feira (2).

Caso haja o sinal verde para os anunciantes, a empresa estará se juntando ao Google e ao Youtube, haja vista a recente liberação de propagandas nessas plataformas pela Alphabet.

Publicidade

“Facebook e Instagram poderão em breve seguir o exemplo [da Aphabet]. A controladora Meta Platforms está atualmente atualizando suas políticas nos EUA à luz da decisão da SEC”, disse um porta-voz da Meta, segundo a reportagem.

A notícia chamou a atenção do presidente da ETF Store, Nate Geraci, que compartilhou no X um um print sobre o assunto.

“Não há maior pote de mel que os boomers do Facebook”, escreveu Geraci na noite de sexta (2), se referindo à geração mais antiga da rede social.

Desta forma, pode-se afirmar que as gigantes da tecnologia estão abraçando cada vez mais o mercado de criptomoedas.

Anúncios de ETFs de Bitcoin

No início da semana, o Google atualizou sua política de publicidade e passou a permitir anúncios do que definiu como “Cryptocurrency Coin Trusts”, que está sendo entendido como produtos regulados de criptomoedas.

Publicidade

Com isso, a gigante de tecnologia abriu as portas do seu serviço de propaganda aos recém-lançados ETFs de Bitcoin nos Estados Unidos, além de outros fundos.

A atualização da política ocorre cerca de um mês após a aprovação dos ETFs de Bitcoin à vista no território americano, com gigantes como BlackRock e Fidelity agora tendo espaço para divulgar melhor seus produtos cripto.

You May Also Like
DAO, AssangeDAO, organização autônoma descentralizada, ethereum, Julian Assange, EUA

Token pró-liberdade do fundador do Wikileaks, Julian Assange, dispara de preço em meio a julgamento

A alta ocorre em meio ao julgamento de um recurso proposto pela defesa do ativista para que ele não seja extraditado do Reino Unido para os EUA
Polygon

SoulPrime anuncia migração para Polygon e aprimoramento da experiência do usuário

A SoulPrime está migrando seu token de governança PRT (Prime Token) da blockchain Ethereum para a Polygon
Sede do Banco de Compensações Internacionais (BIS), na Suiça

Fundo de hedge cripto suíço enfrenta acusações de ignorar alertas de risco da FTX

O fundo suíço Tyr ignorou avisos em relação à sua exposição à FTX e só tentou retirar ativos da exchange depois que ela quebrou
miniaturas de pessoas minerando bitcoin em meio a pedras e folhagens

Os impactos do halving do Bitcoin na mineração | Opinião

Mudança afeta diretamente a receita dos mineradores, e é importante compreender os diversos impactos que essa alteração pode trazer