Imagem da matéria: Manutenção das urnas eletrônicas deve ser de R$ 25 milhões em 2020
Foto: José Cruz/Agência Brasil

Os estados brasileiros devem gastar cerca de R$ 24,8 milhões em 2020 para a manutenção das urnas utilizadas no pleito municipal, de acordo a Fiquem Sabendo, agência de dados especializada na Lei de Acesso à Informação (LAI).

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) disponibilizou cerca de 400 mil urnas eletrônicas nas eleições deste ano para os estados brasileiros, segundo a Agência Brasil. Os gastos com a manutenção desses equipamentos são de responsabilidade das unidades da federação.

Publicidade

A estimativa é que São Paulo, que é o maior colégio eleitoral do Brasil gaste cerca de R$ 4,2 milhões. Em segundo lugar vem Minas Gerais, que pode ter que desembolsar R$ 2,6 milhões. Já em terceiro vem Rio de Janeiro, com estimativa de R$ 1,9 milhão.

Na lanterninha da lista estão os estados de Roraima (R$ 73 mil), Amapá (R$ 104 mil), Mato Grosso do Sul (R$ 188 mil) e Rondônia R$ (207 mil). A estimativa é que o próprio TSE também desembolse R$ 32 mil para ajudar na manuntenção.

Soma de custos

O custo de manutenção das urnas em 2020, segundo a agência, é composto pela soma de dois valores.

O primeiro é o valor de R$ 5,22, cobrado mensalmente por urna eletrônica. Esse valor é então multiplicado pelo número de urnas de cada estado e multiplicado também pelos meses do ano. Vale lembrar, no entanto, que em anos eleitorais, segundo a agência, não são considerados os meses de novembro e dezembro porque os equipamentos estão bloqueadas para manutenção.

O segundo é o valor unitário de R$0,22, cobrado apenas uma vez por todo o período eleitoral de 2020. Esse valor, de acordo com a Fiquem Sabendo, também é multiplicado pelo número de equipamentos de cada estado.

Publicidade

Que empresa presta o serviço?

De acordo com a Fiquem Sabendo, o serviço de manutenção de urnas é feito pela empresa Procomp Indústria Eletrônica LTDA, sediada em São Paulo. O contrato entre a companhia e o TSE é o de número 74/2019. Normalmente, os contratos podem ser acessados por meio deste link.

No entanto, ocorre um erro ao tentar acessar os documentos, provavelmente por causa do ataque hacker sofrido pelo órgão no último final de semana.

VOCÊ PODE GOSTAR
Ronaldinho Gaúcho em vídeo promovendo Olymp Trade

CVM aplica multa de R$ 680 mil em corretora promovida por Ronaldinho Gaúcho

Promovida pelo ex-craque da Seleção, Ronaldinho Gaúcho, a Olymp Trade prometia retornos de até 92%
piramide financeira criptomoedas

MP denuncia quatro envolvidos na pirâmide financeira do “Príncipe do Bitcoin” 

Por meio da A.C. Consultoria, os golpistas causaram prejuízo de R$ 234.600 a vários investidores de Campos dos Goytacazes
Ronaldinho Gaúcho em vídeo promovendo Olymp Trade

CVM julga hoje a Olymp Trade, corretora proibida no Brasil promovida por Ronaldinho Gaúcho

A plataforma forex prometia retornos de até 92%