Imagem da matéria: Maior corretora da Coreia lista criptomoeda e preço dispara 50%
Foto: Shutterstock

Os detentores da criptomoeda 1inch Network (1INCH) viram o seu preço disparar em mais de 50% na madrugada da quarta-feira (27), poucas horas após o anúncio de sua listagem na corretora sul-coreana UpBit, a maior do país em volume de negociação.

Por volta da 01h00 de quarta, a 1INCH ainda era negociada entre US$ 3,90 e US$ 4,10 quando seu preço começou a disparar batendo dois picos, um de US$ 6,07 e o outro de US$ 7,40, um ganho de 55% no período de cerca de 4 horas.

Publicidade

Em seguida, a moeda passou por uma correção e caiu para US$ 4,84 e se estabilizou depois em US$ 5,15, seu preço médio que é negociado na manhã desta quinta (28).

O blockchain 1inch Network integra protocolos descentralizados para criar sinergias na área DeFi. O 1INCH é o token de governança da rede, usado pelos participantes para votar em vários parâmetros determinados no DAO.

Gráfico de 7 dias da 1INCH (Fonte: Coinmarketcap)

AAVE e MASK na UpBit

No mesmo anúncio, a UpBit informou ter listado mais duas altcoins — AAVE, MASK — que também tiveram valorização de 35% e 66%, respectivamente, quando saíram de US$ 338 e US$ 9,60 para US$ 454 e US$ 16.

AAVE corrigiu e é negociada no momento do texto em US$ 342, apenas 1% de antes da listagem. A MASK, entre altos e baixos, ainda está com uma ganho de 23%, sendo comercializada em US$ 11,90.

VOCÊ PODE GOSTAR
Cachorro Shiba Inu que inspitou Dogecoin

Kabosu, a cachorrinha que inspirou a Dogecoin, falece aos 18 anos

Kabosu sofria de doença crônica e já era muito idosa; segundo sua dona, a cachorrinha “faleceu silenciosamente”
Imagem da matéria: Chainlink (LINK) valoriza em meio à atualização de pagamentos rápidos e corrida de ETFs de Ethereum

Chainlink (LINK) valoriza em meio à atualização de pagamentos rápidos e corrida de ETFs de Ethereum

A Chainlink é a criptomoeda do top 30 que apresenta o melhor desempenho hoje
Presidente do Banco Central Roberto Campos Neto falando diante de um microfone

Presidente do Banco Central se reúne com MB um dia após anunciar agenda da regulação do mercado cripto

O Banco Central divulgou ontem os próximos passos para a regulação do setor cripto e espera concluir o processo até o final de 2024
Imagem da matéria: Criadora da segunda maior stablecoin, Circle anuncia chegada oficial ao Brasil

Criadora da segunda maior stablecoin, Circle anuncia chegada oficial ao Brasil

Empresa disse que lançará em breve uma opção para que o mercado brasileiro acesse de forma mais rápida a USDC