Logotipo da LayerZero em branco no fundo preto
Foto: Divulgação

A LayerZero Labs acaba de concluir sua série B de financiamento, arrecadando US$ 120 milhões de uma série de investidores. Isso dá ao protocolo de interoperabilidade uma avaliação de US$ 3 bilhões.

Para se ter uma ideia, dentre as 33 diferentes instituições que participaram desta rodada de investimentos estão a casa de leilões Christie’s; a plataforma de NFTs OpenSea; a Circle Ventures; uma subsidiária da a16z focada em criptomoedas; e um braço de investimento de última geração da Samsung.

Publicidade

A LayerZero pode parecer uma ponte, andar como uma ponte e funcionar como uma ponte para blockchains, mas ela é melhor conceituada como um equivalente do protocolo de mensagens TCP/IP da Internet, disse Bryan Pellegrino, cofundador e CEO do LayerZero.

“LayerZero é como a internet — é uma camada abaixo. Pense no PayPal”, disse Pellegrino. Ele explicou:

“O PayPal é como um aplicativo de ponte de dinheiro que vive em cima do TCP/IP. A Internet possibilitou isso e esses aplicativos foram criados para facilitar a transferência financeira. LayerZero não é inerentemente financeiro. Não é inerentemente um jogo. Não é nada. É pura transferência de dados”.

Produtos de ponte (ou bridge em inglês) como Stargate Finance e Aptos Bridge são apenas alguns exemplos de aplicativos LayerZero em estado rústico. Várias redes de camada 2, incluindo Arbitrum e o recém-lançado zkSync, também usam o protocolo de mensagens para mover ativos.

O financiamento mais recente será usado para a formação da equipe da LayerZero, principalmente seus esforços de marketing. O dinheiro também será usado para expandir iniciativas na região da Ásia-Pacífico. Isso é atribuído a um aumento notável no interesse dos espaços de jogos e NFT no protocolo de mensagens criptográficas.

Publicidade

“Se você deseja possuir jogos como uma camada de mensagens, se nosso objetivo é fornecer a estrutura subjacente, precisamos estar mais próximos do solo”, disse Pellegrino.

O interesse dos jogos no setor cripto não é novidade. O Axie Infinity foi um dos primeiros exemplos disso, mas desde então foi acompanhado por uma onda de novos participantes, incluindo os criadores do EVE Online, CCP, voltando-se para a tecnologia blockchain e a equipe profissional de eSports TSM, avançando com suas ambições Web3.

Como a Axie e outros perceberam rapidamente, executar um jogo divertido e rápido diretamente no Ethereum pode ser extremamente caro e lento, levando Sky Mavis, a equipe por trás do jogo no estilo Pokémon, a criar uma sidechain rápida para lidar com as demandas de jogos.

Conhecida como Ronin, o sidechain ainda precisava ser capaz de se conectar de volta ao Ethereum. E aí está! Surge o mais novo mercado da LayerZero: movimentação de ativos entre várias redes de jogos.

Publicidade

“Eles querem ter esse ambiente de execução realmente rápido e barato, mas precisam de uma maneira de se comunicar de volta à cadeia primária, para chegar aos lugares onde está a liquidez”, disse Pellegrino. Ele acrescentou:

“E é aí que realmente nos posicionamos.”

*Traduzido com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Ethereum (ETH) decola 20% com expectativa para aprovação de ETFs nos EUA

Manhã Cripto: Ethereum (ETH) decola 20% com expectativa para aprovação de ETFs nos EUA

A animação dos investidores fez aumentar em 219% o volume de negociação do Ethereum nas últimas 24 horas
Imagem da matéria: Grayscale desiste de lançar um ETF de futuros de Ethereum nos EUA

Grayscale desiste de lançar um ETF de futuros de Ethereum nos EUA

A gestora parece ter recuado da estratégia de levar a SEC aos tribunais para forçar a eventual aprovação de um ETF de Ethereum à vista
Joe Biden posa para foto

Biden expulsa mineradora cripto chinesa de área próxima a base militar: “Risco de espionagem”

O governo afirma que a MineOne possui equipamentos especializados de origem estrangeira potencialmente capazes de facilitar atividades de vigilância e espionagem
Moeda de Ethereum na frente de gráfico

Ethereum pode surpreender positivamente nos próximos meses, diz Coinbase

Subindo menos que outras criptomoedas em 2024, o Ethereum pode se recuperar e superar seus pares nos próximos meses, avalia a Coinbase