Irã recompensa quem denunciar minerador de bitcoin que usa eletricidade paga pelo governo

Moedas de bitcoin sendo escavadas (Foto: Shutterstock)


Autoridades iranianas estão oferecendo recompensa para quem denunciar a atividade de mineração de bitcoin com uso de energia elétrica subsidiada pelo governo. Quem garantiu a gratificação foi Mostafa Rajabi, porta-voz do Ministério da Energia do Irã em entrevista ao IRIB News na quarta-feira (13).

Conforme noticiou o jornal local, o denunciante pode receber até 20% das criptomoedas que forem confiscadas. De acordo com a publicação, a região iraniana tem sido alvo de mineradores de bitcoin devido ao baixo custo de energia elétrica.

O governo do Irã subsidia a maior parte de eletricidade fornecida à população — até mesmo escolas e mesquitas não são obrigadas a pagar pelo uso.

No entanto, um aumento de 7% no consumo chamou a atenção de autoridades locais. Após investigação, várias mineradores foram pegos usando energia subsidiada pelo governo.

Em junho, por exemplo, o governo iraniano recuperou mais de 1 mil Bitcoins de mineradores clandestinos, cerca de R$ 36 milhões atualmente.

Mineração e contrabando

No mês passado o Ministério Público do Irã chegou a alertar a população sobre a atividade de mineração que “rouba o capital do país”. O órgão citou inclusive a entrada de equipamentos contrabandeados no país.

“Esses dispositivos estão desperdiçando eletricidade municipal e industrial. Além disso, o investimento nessa área não é reconhecido pelo governo e os cidadãos devem tomar cuidado para que seus fundos não sejam roubados”.

Segundo Rajabi, para resolver os problemas recentes de uso ilegal de energia elétrica, novos regulamentos do governo iraniano vão incentivar os mineradores a instalarem suas próprias fazendas de mineração de criptomoedas.

Ele acrescentou que o governo pode apoiar essas instalações principalmente se elas usarem fontes de energia renováveis. 


Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br