Imagem da matéria: Institucionais ainda acham que bitcoin é moeda da China, diz apresentador do Shark Tank
Apresentador do Shark Tank Kevin O’Leary (Foto: Ontario Chamber of Commerce/Divulgação)

“Muitas instituições me disseram que não querem possuir ‘moedas chinesas’”, disse o empresário Kevin O’Leary, o Mr. Wonderful, ao comentar sobre o bitcoin durante um evento online da Cboe Global Markets na quinta-feira (25).

O´Leary, que é um dos apresentadores do Shark Tank americano, acredita que muitas empresas ainda passam longe da maior criptomoeda do mercado por conta de seu rótulo ‘Made in China’. Isso porque é na China onde se concentra a maior parte dos mineradores de criptomoedas.

Publicidade

No início do mês, O’Leary revelou que possuía 3% do seu portfólio em criptomoedas, revelando que estava prestes a se envolver no setor de mineração de bitcoin. No evento da Cboe, confirmando os esforços na nova empreitada, ele disse que gasta uma boa parte de seu tempo tentando persuadir mineradores para o negócio.

A ideia, disse o empresário canadense, é trazê-los para trabalhar tanto em seu nome quanto no de outras empresas. No entanto, é nessa parte que pode haver impasses. Segundo ele, as instituições vão se perguntar: “Esta moeda é fabricada em países que violam os direitos humanos ou estão sob sanções? Estou realmente falando agora da China“, disse.

Ele acrescentou que para o bitcoin realmente decolar nas instituições, ele precisa ser aceito por seus comitês de ética e sustentabilidade, e que isso vai ser um problema daqui para a frente. Isso porque ele acredita que as empresas estão realmente interessadas em possuir uma moeda alinhada positivamente aos temas de meio ambiente, ou seja, uma criptomoeda extraída de forma ética.

O apresentador concluiu dando exemplos de questionamentos que podem surgir, como, que tipo de energia é usada para minerar bitcoin, se é limpa, se vem das minas de carvão, se é renovável, entre outras.

Publicidade

O canadense, que já chamou a criptomoeda de lixo, a comparou com jogos de azar e a tachou de algo irrelevante, agora passou a recomendar o investimento.

VOCÊ PODE GOSTAR
Cauda de baleia sob um mar de moedas de bitcoin

Baleia acorda de sono de uma década para mover R$ 217 milhões em Bitcoin

Carteira recebeu a quantia de 687,33 BTC no dia 12 de janeiro de 2014, quando a cotação do Bitcoin estava em US$ 917
Imagem da matéria: Memecoin que usa nome de Trump rouba R$ 410 mil de investidores

Memecoin que usa nome de Trump rouba R$ 410 mil de investidores

Endereço despejou uma enorme quantidade do token TrumpAI, recebeu R$ 410 mil em WETH e derrubou o preço em 100%
o que é mineração de bitcoin

Dificuldade de mineração de Bitcoin está despencando, mas por quê?

A redução no preço do Bitcoin, combinada com a diminuição das recompensas de mineração, resulta em menos mineradores e em uma rede menos robusta — pelo menos por enquanto
Imagem da matéria: Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

Investidores aproveitam queda do Bitcoin para acumular ainda mais moedas

As baleias de Bitcoin compraram avidamente a última queda; investidores de longo prazo agora aguardam a próxima alta para realizar lucros