Imagem da matéria: Indicador que antecedeu alta de 2.700% no Bitcoin volta a aparecer
(Foto: Shutterstock)

Desde a queda do bitcoin no final de 2017, após atingir os US$ 20.000, os investidores se perguntam quando o Bitcoin voltará a atingir novos recordes de preço.

Um indicador importante está mostrando que a mesma tendência que levou o bitcoin aos US$ 20.000 está aparecendo novamente.

Publicidade

2.700% em 18 meses

Como observado pelo trader @Token_Mario, no twitter, o Bitcoin agora está sendo negociado abaixo de seu custo de produção, apesar do halving estar programado para acontecer em aproximadamente 25 dias. A última vez que isso ocorreu foi em 2016, quando o Bitcoin foi negociado abaixo do seu custo de produção antes do halving daquele ano. Depois, o preço do BTC subiu 2,700% para US $ 20.000 nos 18 meses seguintes.

Gráfico compartilhado por @token_mario

É importante observar que esse indicador está longe de ser o único sinal que implica que outro rally de alta acontecerá no Bitcoin.

O trader Theta Seek compartilhou que, de acordo com sua análise, usando dados da Chainalysis, mineradoras específicas de BTC têm “acumulado moedas nos últimos seis meses”.

Theta espera que essa tendência continue, dizendo que eles acreditam que as mineradoras “continuarão a acumular até bem depois do halving”, o que pode resultar em preços superando rapidamente o recorde de US$ 20.000 “devido ao choque na oferta”.

Modelo corrobora a narrativa de alta

Segundo o modelo, a alta de 2.700% pode acontecer novamente. O modelo em questão é o modelo stock-to-flow, um modelo econométrico que sugere que o valor do Bitcoin é derivado principalmente de seu nível de escassez, definido pelo inverso de sua taxa de inflação. O modelo, que foi testado novamente com um valor de R ao quadrado de 95% (extremamente preciso), sugere que o Bitcoin terá um valor justo de US$ 55.000 a US$ 100.000 após o halving de maio deste ano.

Publicidade

Segundo o criador do modelo, um analista chamado PlanB, o BTC ultrapassou historicamente as leituras do valor justo durante os mercados em alta, sugerindo que o mesmo poderia acontecer novamente.

Entretanto, nos últimos dias, muitos questionaram a legitimidade do modelo.

Hugo Nguyen, um escritor sobre criptomoedas e participante da Chaincode Labs, explicou recentemente que ele acha que o modelo é baseado em “2 dados patéticos”, referenciando o fato de que houve apenas dois halvings anteriores e uma “generosa” margem de erro.”

Ele acrescentou que “não é porque o modelo funcionou duas vezes até agora que vai continuar funcionando uma terceira e quarta vez.”


Compre Bitcoin na Coinext 

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br
 

VOCÊ PODE GOSTAR
CEO da Galaxy Digital, Mike Novogratz, em entrevista ao BNN Bloomberg no YouTube

O Bitcoin precisa de uma nova narrativa para voltar a subir, segundo CEO da Galaxy Digital

Mike Novogratz também acredita que o preço do BTC flutue entre US$ 55 mil e US$ 75 mil até que novos eventos ocorram
Imagem da matéria: Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Ao todo, vítima gastou quase R$ 5 milhões nos pagamentos: além do envio de Bitcoin, foram 40 depósitos bancários
Michaël van de Poppe em vídeo no Youtube

“É hora de investir em altcoins como Ethereum além do Bitcoin”, diz Michaël van de Poppe

Citando o Ethereum com uma das opções, o analista diz que o mercado de altcoins já passou por correção e que a tendência agora é de alta
Anic de Almeida Peixoto Herdy é casada com herdeiro da Unigranrio

Herdeira é sequestrada em Petrópolis e criminosos exigem resgate em Bitcoin

Técnico de informática amigo do casal conversou com sequestradores por entender de criptomoedas e foi preso por suspeita de envolvimento