Imagem da matéria: IBM e Universidade de Columbia lançam programas projetos em blockchain
(Foto: Shutterstock)

Uma parceria entre a gigante da tecnologia IBM e a Universidade Columbia vai ajudar novas startups na geração de redes blockchain através de dois programas para acelerar a inovação e transparência de dados.

De acordo com um comunicado de imprensa no site da IBM nesta segunda-feira (19), a ação, anunciada pela primeira vez em julho deste ano, visa a introdução de dois programas de projetos blockchain como novos componentes para o centros de pesquisa, educação e inovação e transparência de dados.

Publicidade

O objetivo desses programas é ajudar os fundadores de novas startups a desenvolver suas ideias em empresas sustentáveis ​​e escaláveis, oferecendo soluções blockchain, diz o comunicado.

Parceria Blockchain

Cada um dos programas, ‘IBM Blockchain Accelerator’ e ‘Columbia Blockchain Launch Accelerator,’ vão promover o desenvolvimento global de dez startups que estão em estágio avançado de crescimento.

Elas irão se concentrar na construção de uma rede de negócios e base de clientes de nível corporativo com soluções via recursos blockchain.

Essas empresas, no entanto, devem estar associadas à Columbia ou a qualquer outra empresa baseada no estado de Nova York. O investimento, segundo a nota, é de aproximadamente US$ 400 mil por empresa.

Publicidade

“As possibilidades apresentadas pela tecnologia blockchain são aparentemente infinitas e vemos uma forte dedicação por parte do talento técnico para criar aplicativos que podem trazer grandes mudanças”, disse David Post, diretor administrativo da IBM Blockchain Accelerator.

Post acredita que a adoção é inevitável e por isso eles vão trabalhar com essas startups pequenas e médias para construírem redes de nível empresarial e promover inovações com o blockchain.

“Equipes de estágio inicial e final se beneficiarão dos recursos de tecnologia, conhecimento e rede estabelecidos pela IBM, juntamente com pesquisa e talento inovadores da [universidade] Columbia”, disse Satish Rao, diretor executivo da instituição.

Desenvolvimento de negócios sustentáveis

Além da tecnologia blockchain, os dois programas visa capacitar as empresas e suas equipes com o auxílio de uma rede especializada de equipes de suporte técnico, comercial e workshops da IBM, além de acesso a conexões com a comunidade de pesquisa da Columbia.

Publicidade

Como parte do plano de aceleração, os empreendedores vão investigar quais são as melhores práticas para construir um ecossistema seguro e sustentável, que vai contar com a orientação de tutores acadêmicos da Universidade e técnicos da IBM, além de especialistas de outras organizações.

Ambos os programas devem ser lançados no primeiro trimestre de 2019 — a IBM Network já abriu uma pré-seleção. Como o processo é apenas para convidados, as empresas devem procurar recomendação de investidores, clientes ou representantes da IBM.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Donald Trump ex-presidente dos EUA

Donald Trump recebe compradores de seus NFTs em jantar de luxo

O ex-presidente resolveu aproveitar o dia de folga do Tribunal de Nova York para receber os apoiadores no resort de luxo Mar-a-Lago
Ilustração da memcoin em Solana Bonk

Como criar uma memecoin em Solana com a Pump.fun

Protocolo viralizou ao permitir a qualquer pessoa criar uma criptomoeda por cerca de R$ 15
Costas de um policial de Hong Kong

Empresário e filho se entregam à polícia após sequestrarem investidora de criptomoedas

A dupla teria tentado acertar as contas com a mulher de 55 anos que teria intermediado um investimento de cerca de R$ 10 milhões em criptomoedas
trader segura moeda de bitcoin em frente a grafico em computador

Bolsa de Chicago planeja lançar negociação de Bitcoin à vista, diz jornal

O objetivo é capitalizar a crescente demanda este ano entre os gestores de Wall Street para ganhar exposição ao setor de criptomoedas