Imagem da matéria: Google será validador na rede de jogos cripto XPLA
(Foto: Shutterstock)

A XPLA, uma rede de blockchain fundada pela grande editora de jogos sul-coreana Com2uS, contratou o Google Cloud como seu primeiro “validador voluntário” para a rede.

Os validadores de blockchain verificam e confirmam as transações para dar suporte à rede. No caso da XPLA, os validadores voluntários não são recompensados com tokens para apoiar a rede. Em vez disso, os tokens são distribuídos em um pool da comunidade.

Publicidade

Esse é o plano, pelo menos. No momento, a rede XPLA está votando na proposta de instituir o recurso de validador voluntário e, até o momento, tem 100% de votos a favor.

“Esperamos acelerar o crescimento e a inovação dos jogos Web3 com base na infraestrutura segura e de alto desempenho do Google Cloud”, disse Jack Buser, diretor geral da Google Cloud Game Industry Solutions, em um comunicado à imprensa traduzido do coreano.

A XPLA foi desenvolvida com base no Tendermint, o mesmo protocolo que alimenta a rede Cosmos, e também é compatível com a Máquina Virtual Ethereum. Entre os jogos notáveis que são executados na XPLA estão The Walking Dead: All-Stars, Summoner’s War: Chronicles e Ace Fishing: Crew — todos baseados em IP existente que foi adaptado para jogos de blockchain “play-to-own”.

A rede foi originalmente estabelecida como C2X e construída com base na Terra, a rede que perdeu considerável tração após o colapso dos tokens UST e LUNA em maio de 2022. A rede XPLA foi então lançada em agosto de 2022. Outros validadores da XPLA incluem o investidor de metaverso Animoca Brands e o desenvolvedor de jogos para celular Gumi.

Publicidade

“Estamos muito satisfeitos em anunciar que o Google Cloud está se juntando à XPLA como um novo validador, e em fazer uma parceria para avançar nossa visão comum de moldar um ecossistema Web3 transparente e oferecer experiências Web3 inovadoras e envolventes para nossos jogadores em todo o mundo”, disse o líder da equipe da XPLA, Paul Kim, em um comunicado.

O Google Cloud já havia se comprometido a executar um validador em algumas outras redes blockchain, incluindo Solana, Tezos, Aptos, a rede de escalonamento Ethereum Polygon e a rede DeFi Celo. Ele também colaborou com a Coinbase para aceitar pagamentos em criptomoedas.

Em abril, o Google Cloud lançou seu programa Web3 Startups para oferecer benefícios adicionais para empresas de criptoativos em parceria com redes como Solana, Aptos, Near e Hedera.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

You May Also Like
Casa Rosada, sede oficial do poder executivo do governo da Argentina

Argentina corre para regulamentar corretoras de criptomoedas antes de visita do GAFI, diz imprensa

O cadastro de exchanges está entre as principais modificações propostas pelo GAFI para a Argentina, que receberá a organização no próximo dia 6
Imagem da matéria: Genesis recebe autorização para vender US$ 1,3 bi em ações de fundo de Bitcoin da Grayscale

Genesis recebe autorização para vender US$ 1,3 bi em ações de fundo de Bitcoin da Grayscale

Juiz disse que a Genesis poderia converter suas ações do GBTC, da Grayscale, em Bitcoin ou dinheiro

VanEck corta taxas do ETF de Bitcoin em cenário de alta concorrência

O ETF à vista HODL da VanEck reduzirá sua taxa de administração de 0,25% para 0,20% a partir de 21 de fevereiro, de acordo com um registro recente na SEC
Bandeira com o logotipo da Coinbase se mov eao ar l ivre

Coinbase apoia ETF de Ethereum da Grayscale: ‘Virtualmente idêntico a ETFs de Bitcoin’

Citando a configuração técnica e a capitalização de mercado do Ethereum, a Coinbase acredita que a SEC deveria aprovar um ETF spot de ETH