Imagem da matéria: Filme "Senhor dos Anéis" ganha NFTs compatíveis com o Ethereum
Shutterstock

Pelo menos um grande estúdio de Hollywood está procurando transformar seu negócio de entretenimento doméstico de coleções de DVDs para NFTs (Tokens Não Fungíveis).

A Warner Bros está lançando NFTs para seu icônico filme de 2001, “O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel”, anunciou o estúdio nesta semana. Os NFTs funcionam efetivamente como uma experiência digital completa e cada um deles inclui uma cópia 4K do filme, horas de bônus nos bastidores, muitas fotos da produção e ativos colecionáveis ​​​​exclusivos inspirados no filme.

Publicidade

A empresa Eluvio desenvolveu os NFTs e os está hospedando, juntamente com todos os dados de conteúdo, por meio de sua blockchain Content Fabric, compatível com o Ethereum.

“Os próprios ativos digitais principais, não apenas o token, estão no blockchain”, disse a CEO e cofundadora da Eluvio, Michelle Munson, ao Decrypt sobre os NFTs em uma entrevista.

“Eles são atestados de propriedade e tudo o que você verá com o filme, a experiência interativa, os comentários em áudio, é autorizado e distribuído diretamente do blockchain do Content Fabric ,” ela disse.

NFTs são tokens blockchain exclusivos que significam propriedade. Neste caso, um único NFT “Senhor dos Anéis” dá ao titular uma licença para ver as imagens do filme, da mesma forma que comprar um DVD BluRay.

Publicidade

Propriedade na era digital

Embora esses NFTs não prometam aos detentores nenhum tipo de direito de uso comercial, cada um deles é essencialmente um DVD digital com menus mais experienciais e imersivos e alguns recursos de Realidade Aumentada (AR, na sigla em inglês) exclusivos, como a varinha mágica de Gandalf, cujo código QR pode ser digitalizado com um smartphone e examinado em diferentes ambientes do mundo real, como um filtro do Snapchat.

Esta é a primeira incursão do estúdio em oferecer longas-metragens como NFTs. Em vez de comprar filmes do YouTube, Amazon ou Apple, os clientes podem sentir uma maior sensação de propriedade digital mantendo os NFTs em suas carteiras MetaMask (embora a Warner e a Eluvio também ofereçam uma opção de custódia).

E os usuários podem comprar os NFTs do Senhor dos Anéis com cartão de crédito, USDC em Solana ou Ethereum, ETH ou Bitcoin – algo que você não pode fazer através da sua Apple TV.

Também pode-se argumentar que a autocustódia é meramente simbólica aqui, dado o controle de Eluvio e da Warner sobre os metadados e a propriedade rígida do IP da NFT.

Publicidade

O experimento NFT da Warner

Jessica Schell, vice-presidente executiva da Warner e gerente geral da Warner Bros Discovery Home Entertainment, disse que o lançamento do NFT é um experimento projetado para ver se o público do mercado de massa tem apetite por conteúdo direto ao consumidor com elementos Web3 .

“Será fácil para o consumidor não perceber que está realmente usando Web3 ou NFTs sob o capô, e isso é por design”, disse Schell. “Achamos que a iniciativa tem implicações como uma nova maneira potencial de lidar com a distribuição de filmes diretamente para nossos fãs.”

Se o lançamento for bem-sucedido, Schell disse que a Warner pode explorar transformar mais de seus títulos em NFTs – e pode até construir seu próprio mercado de NFT, onde os usuários podem até fracionar suas imagens e negociar ativos específicos de suas compras.

“Queremos aprender, queremos nos engajar, queremos entender o que funciona neste espaço”, disse Schell sobre a abordagem da Warner para a Web3.

Por enquanto, o lançamento do LoTR só permitirá que os fãs negociem seus NFTs inteiros como um único pacote no mercado NFT da Warner. Mas Munson disse que o fracionamento desses NFTs é definitivamente possível.

Publicidade

“Cada um deles também pode ser tokenizado individualmente”, disse Munson, acrescentando que seria “muito simples” para Eluvio fazê-lo no futuro.

Um tempo de transição

A Warner Bros. também está explorando NFTs porque a indústria de entretenimento doméstico está em constante evolução e os estúdios estão procurando maneiras de se manterem competitivos.

“Ainda vendemos produto físico no varejo, mas esse mercado está em declínio. Enquanto isso, a distribuição digital é uma porcentagem muito maior do mercado”, disse Schell. “Temos uma longa história de evolução dos modelos de negócios para atender os consumidores onde eles estão.”

Mas os NFTs se tornarão mainstream em Hollywood?

“Acho que, para que ele seja adotado em massa, precisa ser contínuo”, disse Schell. “Ainda há muitos obstáculos percebidos em torno do envolvimento com o blockchain.”

Mas os NFTs também protegem a propriedade intelectual da Warner da pirataria – uma preocupação importante e contínua na indústria cinematográfica.

“O filme, por exemplo, ao ser transmitido, é protegido por DRM e esse DRM é implementado pela blockchain Eluvio Content”, disse Munson, referindo-se ao gerenciamento de direitos digitais.

Publicidade

“A autorização para as chaves que compõem o DRM é controlada por meio de contratos de blockchain, o que significa que, se você não possui este NFT, não pode transmiti-lo”.

A Warner está longe de ser a primeira marca de Hollywood a fazê-lo. A Lionsgate lançou NFTs para sua franquia de terror “Jogos Mortais”, a Paramount lançou NFTs “Star Trek”, a AMC lançou NFTs “Walking Dead” no início deste ano e a Netflix também criou por seus NFTs “Stranger Things”, para citar alguns.

Mas Schell não se incomoda com a competição. Na verdade, ela espera que mais estúdios criem experiências Web3 com seus IPs.

“Estamos no início do jogo”, disse ela. “Adoro ver o que outros estúdios estão fazendo e dou as boas-vindas a tudo isso.”

*Traduzido com autorização do Decrypt

Não sabe qual o melhor criptoativo para o seu perfil? No Mercado Bitcoin, quem está começando a investir tem a melhor experiência de negociação e fica informado sobre tudo! Saiba mais sobre o Mercado Bitcoin!

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: EUA não têm autoridade para processar trades DeFi, diz advogado do hacker da Mango Markets

EUA não têm autoridade para processar trades DeFi, diz advogado do hacker da Mango Markets

Avraham Eisenberg é o trader cripto acusado de drenar mais de US$ 100 milhões da plataforma de negociação Mango Markets
Imagem da matéria: Memecoin assume ser golpe e mesmo assim recebe R$ 146 mil de investidores

Memecoin assume ser golpe e mesmo assim recebe R$ 146 mil de investidores

Criadores da memecoin THEPLAN alertaram: “Não compre esta moeda, pois ela irá para zero”
Vitalik-Buterin-Ethereum

Vitalik Buterin se torna defensor do “comunismo degenerado”; entenda

Para o criador do Ethereum, o “comunismo degen” abraça abertamente o caos, mas ajusta regras e incentivos para fazer com que as consequências do caos estejam alinhadas com o bem comum
Mulher olhando celular com logotipo do paypal

PayPal libera uso de stablecoins para pagamentos internacionais

Empresa explicou que clientes podem converter o PayPal USD (PYUSD) em dólares e enviar dinheiro para 160 países