Imagem da matéria: Fantom (FTM) dispara 65% em dois dias e atinge novo recorde de preço; entenda a alta
Foto: Shutterstock

O Fantom (FTM), criptomoeda nativa da blockchain Fantom Network, está tendo o melhor desempenho da sua história nesta semana em que acumula ganhos de 65%. O movimento de alta da moeda culminou em um novo recorde de preço de US$ 2,43 (R$13), alcançado na manhã desta sexta-feira (8).

O CoinMarketCap indica que só nas últimas 24 horas, o FTM subiu pouco mais de 24%, o melhor desempenho do dia no Top 100 das principais criptomoedas do setor. Neste ritmo, o valor de mercado do ativo também atingiu um recorde de US$ 5,6 bilhões.

Publicidade

O aumento repentino de preços do FTM reflete a popularidade que o seu ecossistema de contratos inteligentes vem recebendo no setor das finanças descentralizadas (DeFi). 

Fantom é uma rede de prova de participação (PoS) que utiliza a tecnologia Directed Acyclic Graph (DAG) e algoritmo de consenso Lachesis para resolver o trilema da blockchain, ou seja, a capacidade de oferecer de forma simultânea máxima descentralização, alta escalabilidade e segurança de rede.

O Fantom promete em seu site ser capaz de processar milhares de transações por segundos de maneira quase instantânea e de forma barata, com taxas que custam uma fração de um centavo. A sua blockchain também é compatível com o virtual machine do Ethereum (EVM), o que permite que dApps utilizem a sua rede para escapar do congestionamento e das altas taxas da principal concorrente.

Semana de novidades para a rede Fantom

Embora a mainnet do Fantom esteja em operação desde o final de 2019, o seu conjunto de atrativos parece estar se tornando mais visível para a comunidade nos últimos tempos. Nesta semana, duas notícias impulsionaram o preço do FTM: o nove suporte à rede pelo provedor de análise blockchain Nansen e o lançamento do Yearn Finance (YFI) no seu ecossistema.

Publicidade

A Nansen adicionou na quinta-feira (7) o Fantom à sua lista de blockchains suportadas ao lado de Ethereum, Polygon e Binance Smart Chain, conforme noticiou o Decrypt. A plataforma analítica baseada em Singapura facilita a negociação dos investidores ao fornecer uma rede de painéis e alertas em tempo real.

A novidade de maior impacto, entretanto, é a escolha do Fantom como a primeira rede blockchain alternativa a integrar o Yearn Finance. Até então, o popular projeto DeFi mantinha suas operações limitadas ao Ethereum, rede na qual foi lançado pela primeira vez em fevereiro de 2020.

“O Reino multichain acenou e o Yearn atendeu ao chamado. Hoje, vamos nos tornar multichain com o lançamento do Iron Bank Fantom”, tuitou a equipe do projeto. “Fantom é rápido, simples de usar e fácil de conectar graças a Anyswap Network”.

O efeito das notícias no ecossistema do Fantom é perceptível para além da valorização da criptomoeda. Segundo o DeFi Llama, o valor total bloqueado (TVL) da rede — quanto dinheiro está sendo confiado em seus contatos inteligentes — atingiu nesta sexta-feira uma máxima histórica de US$ 9 bilhões. 

Publicidade

Desde que outubro começou, o TVL do projeto se manteve estável em torno de US$ 2 bilhões, até que na quarta-feira os números começaram a subir até atingir o recorde de hoje. Na semana, o valor total bloqueado na rede Fantom já cresceu 309%.

Talvez você queira ler
Imagem da matéria: Tokenização, Inteligência Artificial e tendências: último episódio do podcast do MB discute “o dinheiro do amanhã”

Tokenização, Inteligência Artificial e tendências: último episódio do podcast do MB discute “o dinheiro do amanhã”

Com visão de inclusão financeira, acesso à tecnologia e desenvolvimento global, especialistas destacam os desafios da economia exponencial
Imagem da matéria: Retorno da LUNA? Tokens do ecossistema Terra disparam até 40% no dia

Retorno da LUNA? Tokens do ecossistema Terra disparam até 40% no dia

As moedas do ecossistema Terra decolaram após a injeção de US$ 15 milhões no ecossistema DeFi da rede pela Terraform Labs
Imagem da matéria: Eleições na Argentina: como a vitória de Milei ou Massa vai afetar o mercado cripto no país? 

Eleições na Argentina: como a vitória de Milei ou Massa vai afetar o mercado cripto no país? 

A Argentina elege neste domingo um novo presidente; especialistas explicam qual impacto a vitória de Milei ou Massa terá no mercado cripto
Imagem da matéria: Saga arrecada US$ 5 milhões antes do lançamento da Mainnet e do airdrop

Saga arrecada US$ 5 milhões antes do lançamento da Mainnet e do airdrop

“O espaço de blocos no Saga é teoricamente infinito porque você pode criar quantas cadeias quiser, tudo em paralelo”, disse a CEO da Saga, Rebecca Liao