Imagem da matéria: Ex-executivo do Google vira vice-presidente de produtos na Ripple
(Foto: Pixabay)

A Ripple Labs confirmou a contratação do ex-executivo do Google, Amir Sarhangi, para ocupar o cargo de vice-presidente de produtos da empresa, reportou a Reuters na última sexta-feira (26).

Sarhangi assume o novo posto na Ripple Labs depois de prestar três anos e dois meses de serviços à gigante das buscas, período em que ele dirigiu os setores de gestão de produtos, parcerias e mensagens.

Publicidade

De acordo com a Reuters, o novo vice-presidente de produtos da empresa que criou o token XRP, agora vai liderar os esforços para desenvolver a rede global de pagamentos da Ripple e da RippleNet.

Sarhangi possui em seu currículo grandes empresas, como a Vodafone, onde ocupou o cargo de gerente, e a Deloitte, onde atuou como gerente e consultor por dois anos, segundo informação em seu perfil no Linkedin.

A RippleNet é uma rede descentralizada da Ripple Labs, baseada em blockchain, que oferece serviço de pagamentos transnacionais em tempo real e abrange os diversos produtos da empresa.

A rede faz parte da estratégia da Ripple Labs enquanto o XRP não é adotado em massa como meio de pagamento.

Publicidade

O anúncio de Sarhangi, marca a segunda contratação de um profissional que veio de gigantes do setor de comunicação nos últimos meses.

Em julho, a empresa contratou a ex-executiva do Facebook Kahina Van Dyke como sua nova vice-presidente sênior de desenvolvimento empresarial e corporativo, reportou a Coindesk.

Na semana passada, Sujay Jaladi, diretor de segurança de informações da Ripple, deixou a empresa em São Francisco (EUA) para se juntar à startup Harbor, uma plataforma que fornece serviços para títulos privados em ambiente blockchain.

Um Zuckerberg na criptoeconomia

Em meados de agosto, Randi Zuckerberg, irmã do fundador do Facebook Mark Zuckerberg, foi anunciada como um dos membros da equipe de consultoria da Huobi Global, uma das maiores exchanges de criptomoedas do mundo.

Publicidade

Na ocasião, ela foi apresentada como fundadora e CEO da Zuckerberg Media e ex-executiva sênior do Facebook. A Zuckerberg Media é uma empresa de criação de conteúdo com sede em Nova York que ela fundou há cinco anos.

Zuckerberg apareceu junto a nomes muito conhecidos do mercado criptoeconômico, como Jihan Wu, cofundador e CEO da gigante de mineração de Bitcoin, Bitmain, e Jeffrey Wernick, investidor da Airbnb, Uber e também BTC.

“Os consultores fornecerão recomendações profissionais abrangentes e insights sobre a tecnologia subjacente, aplicação no setor, construção do modelo de negócios e outras dimensões do blockchain” dizia o comunicado de imprensa.

Dentre as funções do grupo, tomar decisões sobre governança e desenvolvimento na Rede Huobi é uma das ações cruciais.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br
Siga também o nosso Instagram com análises diárias.

VOCÊ PODE GOSTAR
Fusão da imagem de uma moeda de bitcoin com a bandeira do Paraguai

Senadores do Paraguai querem pausar toda atividade ligada ao Bitcoin; entenda

Projeto de lei quer que atividades como mineração, compra e venda de Bitcoin sejam suspensas por 180 dias
scanner plano digitaliza a palma de uma mão

TON oferece R$ 25 milhões para escanear mãos dos investidores

HumanCode se junta à The Open Network para oferecer um milhão de Toncoin como incentivo em programa de digitalização de palma da mão baseado em IA
moedas de Bitcoin sobre notas de ienes

Anúncio de investimento em Bitcoin faz ações de empresa asiática disparar 90%

Seguindo o manual da MicroStrategy, a empresa japonesa Metaplanet está atraindo forte interesse dos investidores
Paolo Ong, da SEC Filipinas

Termina prazo para saída da Binance das Filipinas e reguladores avisam: “Não há como sacar fundos após bloqueio”

“Não podemos endossar nenhum método de como retirar seu dinheiro agora que a ordem de bloqueio foi emitida”, disse o regulador filipino