BMW i8
Carro modelo BMW i8, o mesmo comprado pelo golpista com Bitcoin roubado

O Departamento de Justiça dos EUA está se movendo para apreender milhões de dólares em Bitcoin que um hacker adolescente roubou de executivos de criptomoedas há quatro anos. Os promotores também estão se certificando de recuperar um carro esportivo que ele comprou com o Bitcoin roubado. 

Na semana passada, um juiz federal assinou uma ordem exigindo que Ahmad Wagaafe entregasse US$ 5,2 milhões (cerca de R$ 25 milhões) em Bitcoin que ele roubou em 2016, de acordo com um artigo do San Francisco Standard. Os bitcoins (BTC) foram roubados como parte de um esquema de troca de SIM card criado por Hared e dois outros golpistas entre 2016 e 2018. 

Publicidade

Troca de SIM card (SIM Swapping) é quando um hacker engana uma operadora de telefonia celular para entregar o controle do telefone celular de um usuário alvo, fingindo ser o proprietário do telefone.

É uma tática clássica de engenharia social usada por hackers para obter acesso a dados pessoais de seus alvos — ou para contornar medidas de autenticação de segundo fator baseadas em mensagens de texto.

Em 2016, Harred — então com 18 anos e morando em Tucson, Arizona — trabalhou em conjunto com Matthew Gene Ditman, de Nevada, para enganar representantes de suporte ao cliente de provedores de telefonia celular para divulgar detalhes sobre os SIM cards atribuídos às contas de executivos de criptomoedas no norte da Califórnia. 

A região abriga o Vale do Silício e todo um ecossistema de empresas de criptomoedas e startups. A Coinbase, a maior exchange dos Estados Unidos, já considerou São Francisco como sua casa, mas desde então passou a ser uma empresa totalmente remota.

Publicidade

Harred já era um habitante conhecido da chamada darknet, onde ele usava o nome de usuário ‘winblo’, de acordo com o jornalista independente de segurança cibernética, Brian Krebs. Usando essa identidade, Harred era considerado “extremamente ativo” e “reverenciado” em um mercado online onde contas de mídia social altamente valorizadas eram vendidas a compradores.

Com alguns desses fundos roubados, Harred comprou um BMW i8 que Krebs relatou ter um custo de aproximadamente US$ 150 mil na época. Os promotores disseram em sua acusação que os dois chamaram algumas de suas vítimas depois de assumir o controle de suas contas em uma tentativa de extorquir ainda mais.

O esquema chegou ao fim em 2019, depois que uma investigação do FBI identificou Harred e Ditman e prendeu os dois. A dupla ainda não foi condenada.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Web3, futuro do Bitcoin e IA: os destaques do primeiro dia do Web Summit Rio

Web3, futuro do Bitcoin e IA: os destaques do primeiro dia do Web Summit Rio

Um dos maiores eventos de tecnologia e inovação do mundo, o Web Summit Rio acontece entre 15 e 18 de abril
Imagem da matéria: Solana lança atualização para aliviar problema de congestionamento da rede

Solana lança atualização para aliviar problema de congestionamento da rede

“Esta versão contém melhorias que ajudarão a aliviar o congestionamento contínuo na Rede Solana”, afirmou a conta de atualização do projeto
Imagem da matéria: Queda do Bitcoin gera onda de liquidação de US$ 255 milhões antes do halving

Queda do Bitcoin gera onda de liquidação de US$ 255 milhões antes do halving

O preço do Bitcoin se estabilizou desde ontem, mas deixou um rastro de liquidações de US$ 255 milhões pelo caminho
Imagem da matéria: Conheça o dispositivo que pode guardar Bitcoin, jogar e ganhar airdrops enquanto você dorme

Conheça o dispositivo que pode guardar Bitcoin, jogar e ganhar airdrops enquanto você dorme

O BitBoy One, semelhante ao Game Boy, é um dispositivo portátil para permite jogar e armazenar Bitcoin