Imagem da matéria: Estrangeiros Estão Proibidos de Fazer Depósitos em Moeda Local nas Exchanges Sul-Coreanas

A Korbit, a terceira maior exchange de bitcoin e outras criptomoedas no mercado sul-coreano, atrás apenas da Bithumb e Coinone, anunciou que os estrangeiros e até os que moram no país mas não são coreanos não poderão depositar o won coreano (moeda local) em qualquer exchange doméstica de criptomoedas.

Em uma mensagem enviada aos seus clientes, Korbit declarou também que haverá novas normas para depósitos feitos por estrangeiros ou residentes da coreia do sul que não sejam sul-coreanos.

Publicidade

A equipe da Korbit observou que o encerramento das contas bancárias virtuais do Banco Kookmin na plataforma de negociação, juntamente com a proibição para estrangeiros, faz parte de uma nova política anti-lavagem de dinheiro (AML), introduzida pelo governo.

“Para cumprir os regulamentos de identificação e lavagem de dinheiro que estão sendo aplicados pelo governo, o atual método de depósito de KRW será encerrado até o final de janeiro de 2018”, disse a Korbit.

No mês passado, informamos que o governo da Coreia do Sul lançou quatro novos regulamentos para as exchanges de criptomoedas. Um dos quatro regulamentos era proibir os investidores menores de idade e estrangeiros de negociar criptomoedas com a moeda fiduciária sul-coreana (KRW) em plataformas de negociação locais.

Em dezembro, o governo sul-coreano explicou que decidiu proibir os estrangeiros de negociar criptomoedas no mercado local para evitar que os investidores estrangeiros aproveitassem a oportunidade de arbitragem no mercado local.

Uma vez que os preços de negociação da maioria das criptomoedas no mercado sul-coreano são pelo menos 15% maiores do que os preços médios globais, o governo solicitou que as exchanges de criptomoedas e os bancos desativassem os estrangeiros do mercado local.

Publicidade

Inicialmente, as empresas locais planejavam proibir os estrangeiros de negociar criptomoedas até o dia 20 de janeiro. Mas, com base no anúncio da Korbit, os estrangeiros poderão negociar até 31 de janeiro.

 

Como já previsto, a Coreia do Sul não irá banir a negociação de criptomoedas e nem as criptomoedas como um todo. Embora, regulações devem começar a entrar em vigor, principalmente com foco em KYC e AML, que são medidas para evitar lavagem de dinheiro, terrorismo.

Leia Também: Bitcoin Sobe 10% e Mercado Continua se Recuperando

 

BitcoinTrade

A primeira plataforma Brasileira que você pode comprar com segurança utilizando o seu Cartão de Crédito como forma de pagamento. Eles aceitam Visa e Mastercard. A BitcoinTrade ainda conta com certificação de segurança PCI Compliance, a única no Brasil. Acesse aqui: https://www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
dupla de homens sendo presa

Irmãos são presos por roubo de R$ 130 milhões em ataque de 12 segundos na rede Ethereum

O procurador americano Damian Williams disse que “este suposto esquema era novo e nunca havia sido acusado antes”
martelo de juiz com logo da binance no fundo

Governo dos EUA contrata empresa para monitorar a Binance

A Forensic Risk Alliance venceu a disputa contra a Sullivan & Cromwell, que atuou no caso FTX
CEO da Galaxy Digital, Mike Novogratz, em entrevista ao BNN Bloomberg no YouTube

O Bitcoin precisa de uma nova narrativa para voltar a subir, segundo CEO da Galaxy Digital

Mike Novogratz também acredita que o preço do BTC flutue entre US$ 55 mil e US$ 75 mil até que novos eventos ocorram
trader segura moeda de bitcoin em frente a grafico em computador

Bolsa de Chicago planeja lançar negociação de Bitcoin à vista, diz jornal

O objetivo é capitalizar a crescente demanda este ano entre os gestores de Wall Street para ganhar exposição ao setor de criptomoedas