Moedas de bitcoin em cima de um teclado-ao lado uma cold wallet
Foto: Shutterstock

A empresa KriptoBR anunciou que voltou a fazer o envio de carteiras físicas de criptomoedas aos clientes diretamente do Brasil. A companhia vinha há três anos fazendo o envio do material dos EUA, mas afirma que, desde outubro de 2022, a Receita Federal brasileira passou a taxar intensamente as cargas.

Segundo Jefferson Rodolfo, presidente da KriptoBR, a Receita estava “barrando ou taxando tudo, independente do que há na caixa, em até 250%”. A solução da empresa foi passar a fazer os envios de dentro do Brasil e o resultado é que os produtos podem chegar, dependendo da localização, no mesmo dia da compra.

Publicidade

O executivo afirma que a operação da empresa se tornou mais cara, por conta da alta carga tributária no Brasil, mas garante que o preço final para o consumidor não aumentou: na verdade, segundo o executivo, até teria diminuido.

“Como temos alto volume, a gente consegue condições melhores e os produtos da Trezor tiveram uma queda de quase 30% em relação aos envios dos EUA”, afirma.

Intermediários

Segundo o executivo, muitos brasileiros que se estabelecem nos EUA se tornam redirecionadores. São como pequenas empresas de importação e exportação. Em geral, um brasileiro compra um produto e manda entregar na sede dessa pequena companhia, que fica com o encargo de enviar para o Brasil.

Rodolfo, que já teve uma redirecionadora, afirma que conhece muitos brasileiros que estão no ramo e que vários estão falindo.

Publicidade

A KriptoBR é uma revenda oficial das principais marcas de cold wallets do mundo, como Trezor, Ledger, SecuX, BitBox, Yubico e Key-ID. A empresa também faz seus próprios produtos, como a KriptoSteel (placa de aço), KriptoBullet (case de aço para Ledger, Yubikey e BitBox) e o case para os modelos Trezor One e Trezor T.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: BNDES planeja lançar em agosto o piloto da Rede Blockchain Brasil

BNDES planeja lançar em agosto o piloto da Rede Blockchain Brasil

Blockchain deve chegar com casos de uso: diploma digital pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa e uma cadeia de custódia de provas
Imagem da matéria: Há 2 anos, LUNA caia para zero; relembre um dos dias mais caóticos do mercado cripto

Há 2 anos, LUNA caia para zero; relembre um dos dias mais caóticos do mercado cripto

Em maio de 2022, o ecossistema da Terra (LUNA) entrou em uma “espiral da morte” que levou uma das criptomoedas consideradas mais promissoras daquele ano a cair para zero em 24 horas
Imagem da matéria: Ex-diretor da FTX deve pegar até 7 anos de prisão, pedem promotores dos EUA

Ex-diretor da FTX deve pegar até 7 anos de prisão, pedem promotores dos EUA

Ryan Salame foi um dos executivos da FTX que coordenaram a doação de milhões para campanhas políticas usando dinheiro dos clientes
Imagem da matéria: Brasileiros importam R$ 8,9 bilhões em criptomoedas em abril apesar da queda do Bitcoin

Brasileiros importam R$ 8,9 bilhões em criptomoedas em abril apesar da queda do Bitcoin

Volume importado de criptomoedas mais que dobrou em abril em comparação com o mesmo período de 2023