Imagem da matéria: Deputada americana não possui bitcoin para se manter imparcial à criação de novas políticas
Alexandria Ocasio-Cortez (Foto: Reprodução/Twitter)

A deputada Alexandria Ocasio-Cortez, mais conhecida como AOC, afirmou que não possui bitcoin (BTC) algum (ou quaisquer outros ativos financeiros, por sinal), argumentando que membros do Congresso Americano não devem armazenar ou negociar produtos financeiros.

“Por termos acesso a informações sensíveis e futuras políticas, não acredito que membros do Congresso devem armazenar/negociar ações individuais e escolho não possuir nenhuma para que eu permaneça imparcial sobre a criação de políticas”, afirmou AOC no seu perfil do Instagram.

Publicidade

“Também estendo [essa decisão] a ativos/moedas digitais (principalmente por estar no Comitê de Serviços Financeiros). Então minha resposta é não, pois quero fazer o meu trabalho da forma mais ética e imparcial que eu puder”, acrescentou.

Essa não foi a primeira vez que AOC falou sobre cripto. Em 2017, quando perguntada se aceitaria bitcoin como uma doação política, ela disse: “Não até ActBlue aceitar”. ActBlue é uma processadora de pagamentos de escolha para doações políticas feitas aos Democratas.

AOC pode ter traçado uma linha contra ter criptomoedas ou ações, mas outros membros do Congresso têm opiniões diferentes, incluindo em relação a cripto.

O Congresso Americano e o bitcoin

Membros do Congresso precisam declarar suas posses financeiras. Declarações financeiras estão disponíveis nos sites da Câmara, do Senado e do Poder Executivo dos EUA.

Publicidade

Essas declarações foram reunidas no site BitcoinPoliticians.org, que detalha quais membros do Congresso possuem criptomoedas e qual é a quantia.

Cynthia Lummis, por exemplo, possui entre US$ 100 mil e US$ 250 mil em bitcoin. Ela ganhou o título de “Senadora do Bitcoin” por conta de suas políticas favoráveis a criptomoeda.

Ela também é a única representante de Wyoming a ter sido contra os votos do Colégio Eleitoral da Pensilvânia durante a eleição presidencial de 2020.

Dentre os outros cinco membros do Congresso que possuem investimentos em criptomoedas, todos são do Partido Republicano. São eles Michael McCaul, Barry Moore, Patrick Toomey, Jefferson Van Drew e Michael Waltz.

Publicidade

É importante mencionar que Patric Toomey tem sido um dos principais defensores da indústria cripto em meio à oposição da comunidade ao projeto de lei de infraestrutura. O projeto de lei, quando aprovado, alocou mais de US$ 1 trilhão em iniciativas de infraestrutura americana.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin reduz perdas após atingir US$ 59 mil; Kraken lança carteira e Binance pode retornar à Índia

Manhã Cripto: Bitcoin reduz perdas após atingir US$ 59 mil; Kraken lança carteira e Binance pode retornar à Índia

Mercado de criptomoedas segue em baixa antes do halving do Bitcoin, com o Ethereum lutando para manter os US$ 3 mil
Imagem da matéria: Worldcoin lança blockchain própria onde "humanos verificados têm prioridade"

Worldcoin lança blockchain própria onde “humanos verificados têm prioridade”

Usando tecnologia da Optimism, a World Chain será uma rede dedicada e que preserva a privacidade dos usuários da Worldcoin
Imagem da matéria: ETF de Bitcoin da BlackRock é o 3º mais investido por brasileiros no exterior

ETF de Bitcoin da BlackRock é o 3º mais investido por brasileiros no exterior

Produto da BlackRock fica atrás apenas dos ETFs que seguem o índice S&P 500 e o setor imobiliário dos EUA
Moeda de Tether (USDT) sob superfície lisa

Tether anuncia reorganização para ir além de sua stablecoin e cria quatro divisões

Mudança em sua estrutura visa ampliar o fornecimento de soluções de infraestrutura focadas na inclusão