Imagem da matéria: DAO vai pagar recompensa de até US$ 3,3 milhões para quem achar erros na plataforma
Foto: Shutterstock

A plataforma de serviços de segurança Immunefi está oferecendo um novo programa de caça a bugs (ou “bug bounty program”) para a OlympusDAO, um famoso protocolo de Finanças Descentralizadas (ou DeFi, na sigla em inglês) que serve de alicerce para uma criptomoeda chamada OHM.

OHM é promovida como uma moeda de reserva livre de oscilações, ou seja, é lastreada por uma cesta de diferentes ativos em vez de apenas uma moeda fiduciária.

Publicidade

Esse recurso “livre de oscilações” também significa que os tokens OHM estão sujeitos a extremos surtos de volatilidade, característicos de criptomoedas tradicionais, como bitcoin (BTC) e ether (ETH).

No entanto, apesar de certas dúvidas, o projeto ganhou força desde sua criação, em março de 2021.

Apoiada por uma grande cultura de memes e uma forte comunidade, OlympusDAO se destaca dentre outros projetos DeFi graças à sua tokeconomia inovadora, que visa controlar a expansão de fornecimento por meio de um conjunto de novas soluções.

Incluem o tesouro de ativos gerenciado pela comunidade, liquidez pertencente à comunidade, uma estrutura de recompensas por staking com rendimento anual de até 4.640% e um mecanismo exclusivo de ligação.

Esse mecanismo foi criado para oferecer OHM a um desconto de seu atual valor de mercado em troca de tokens de pools de liquidez emitidos a participantes que fornecem liquidez a corretoras descentralizadas (ou DEXs), como SushiSwap ou Uniswap.

Publicidade

“Olympus tem o objetivo de se tornar o ativo de reserva para todas as DeFi”, afirmou Proof of Steve, gestor de caça a bugs na OlympusDAO.

“Para conseguir isso, precisamos garantir sua segurança e é exatamente por que a comunidade autorizou seu programa de caça a bugs com Immunefi.”

O que é Immunefi?

Immunefi, que arrecadou US$ 5,5 milhões de financiamento em outubro de 2021, é uma popular plataforma de caça a bugs para contratos autônomos e projetos DeFi.

Projetos que escolheram a Immunefi para hospedar seus programas de caça a bugs incluem Synthetix, Chainlink, SushiSwap, PancakeSwap, Bancor, Cream Finance, Compound, Alchemix, Nexus Mutual e outros.

Publicidade

Até agora, a empresa pagou mais de US$ 8 milhões em recompensas para “hackers do bem” (ou “white-hat hackers”) que trabalham para descobrir e informar possíveis vulnerabilidades em protocolos.

O maior pagamento da plataforma foi de US$ 2 milhões, concedidos a um pesquisador de segurança que encontrou uma vulnerabilidade grave no Plasma Bridge da Polygon em 2021.

Com o lançamento de seu programa de caça a bugs, a OlympusDAO pretende evitar a perda de fundos do tesouro, de usuários e de títulos e deseja distribuir até US$ 3,3 milhões em recompensas para aqueles que a ajudarem.

“Programas de caça a bugs bem-administrados continuam sendo a solução mais comprovada e eficaz para proteger protocolos cripto e os fundos de usuários bloqueados em seus contratos”, afirmou Mitchell Amador, fundador e CEO da Immunefi.

Ele acrescentou que a OlympusDAO compartilha a “missão [da Immunefi] em modelar a indústria DeFi em direção à segurança e transparência”.

Publicidade

Assim como outros projetos, o programa de caça a bugs da OlympusDAO é estruturado para classificar as ameaças de vulnerabilidade com base em diversos critérios de gravidade, como identificar a consequência de invasão ou a probabilidade de uma invasão bem-sucedida.

*Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

VOCÊ PODE GOSTAR
Ilustração de uma lâmpada flamejando B de bitcoin

MB lança Fist, primeiro token de Renda Variável Digital no setor de energia elétrica

O investimento, disponível pela primeira vez para pessoa física, possui validade de 30 anos, com dividendos que variam de 0,9% a 1,2% ao mês
Fachada da GameStop em Tyler no Texas

GameStop e AMC desabam com fim da euforia do retorno de Roaring Kitty

As ações memes da GameStop e AMC caíram drasticamente após a abertura dos mercados dos EUA na quinta-feira, recuando pelo menos 15%
Imagem da matéria: FIT21: Conheça o projeto de lei que promete transformar a regulação das criptomoedas nos EUA

FIT21: Conheça o projeto de lei que promete transformar a regulação das criptomoedas nos EUA

Aprovado na Câmara esta semana, o projeto FIT21 visa regular o setor de criptomoedas dando segurança para consumidores e estimulando empreendedores
Imagem da matéria: Brasileiros importam R$ 8,9 bilhões em criptomoedas em abril apesar da queda do Bitcoin

Brasileiros importam R$ 8,9 bilhões em criptomoedas em abril apesar da queda do Bitcoin

Volume importado de criptomoedas mais que dobrou em abril em comparação com o mesmo período de 2023