Imagem da matéria: CryptoPunk é vendido por R$ 63 milhões, uma das maiores vendas da coleção NFT
CryptoPunk #635 (Imagem: Yuga Labs)

Mais um CryptoPunk foi vendido por um valor surpreendente: na quinta-feira (25), um ultra-raro Alien Punk da coleção de NFT foi negociado por US$ 12,3 milhões em Ethereum (ETH), cerca de R$ 63 milhões.

O Punk #635, um dos apenas nove Alien Punks na influente coleção de 10.000 peças de NFTs, foi vendido ontem por 4.000 ETH. A venda foi facilitada pela corretora de arte cripto Fountain, com a peça indo para um colecionador anônimo que ainda não revelou sua identidade.

Publicidade

A negociação impressionante acontece apenas algumas semanas após outros dois Alien Punks terem sido vendidos por quantias próximas a recordes. No início de março, um trader de criptomoedas anônimo comprou o Punk #3100 por US$ 16,03 milhões em ETH, na segunda maior transação on-chain de CryptoPunk já registrada. Semanas depois, o Punk #7804 — outro Alien — foi vendido por US$ 16,42 milhões em ETH, assumindo a medalha de prata como a segunda venda de Punk mais cara da história.

A maior venda de todos os tempos de CryptoPunks aconteceu na época áurea dos NFTs no início de 2022, quando o CEO de uma startup de cripto comprou outro Alien Punk — #5822 — por 8.000 ETH, valendo mais de US$ 23,7 milhões na época.

Embora essas transações de Punk, e a de hoje, estejam entre as vendas de NFT mais caras de todos os tempos, elas ainda não podem ser em comparação com o líder de todos os tempos: “Everydays: The First 5,000 Days,” uma obra on-chain do artista Mike “Beeple” Winkelmann que foi vendida por US$ 69,3 milhões em um leilão da Christie’s no início de 2021.

Retorno do CryptoPunks?

O recente ressurgimento de etiquetas de preço absurdas para NFTs do CryptoPunks, no entanto, parece estar reservado apenas para essa coleção. Os CryptoPunks, talvez a primeira coleção de NFTs a atrair valor e relevância substanciais após sua criação em 2017, parecem ter mantido sua posição nos últimos dois anos como raros artefatos culturais.

Publicidade

Outras coleções de imagem de perfil (PFP), uma vez cobiçadas, têm lutado para recuperar a dominação desde o colapso do mercado de NFTs em meados de 2022. O Bored Ape Yacht Club, por exemplo, viu o valor de seus ativos diminuir para um preço mínimo pouco acima de US$ 40.000, segundo dados da NFT Price Floor. Isso representa uma queda de mais de 90% em relação ao pico do preço em dólares visto em 2022.

Outras coleções que antes definiam o cenário de NFTs, como Azuki e Doodles, também viram seus preços mínimos cair mais de 50%.

* Traduzido e editado com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Vitalik Buterin critica prisão de dev do Tornado Cash: "Realmente lamentável"

Vitalik Buterin critica prisão de dev do Tornado Cash: “Realmente lamentável”

O fundador do Ethereum nem se importou em comentar sobre os ETFs, mas refletiu sobre a recente condenação de um desenvolvedor do Tornado Cash
Imagem da matéria: O poder dos RWA: executivo explica por que faz sentido tokenizar ativos do mundo real

O poder dos RWA: executivo explica por que faz sentido tokenizar ativos do mundo real

Fabrício Tota, diretor do MB, discutiu no Ethereum Rio como empresas podem tirar o máximo proveito da tecnologia blockchain através da tokenização
Ilustração de uma lâmpada flamejando B de bitcoin

MB lança Fist, primeiro token de Renda Variável Digital no setor de energia elétrica

O investimento, disponível pela primeira vez para pessoa física, possui validade de 30 anos, com dividendos que variam de 0,9% a 1,2% ao mês
Imagem da matéria: Fundador do Telegram diz que manterá seus tokens do Notcoin até multiplicarem por 100

Fundador do Telegram diz que manterá seus tokens do Notcoin até multiplicarem por 100

Pavel Durov detém 1% do maior token de jogo deste ano, doado pelos jogadores. E ele não está vendendo seus Notcoin – não agora, pelo menos