Imagem da matéria: Corretora P2P de criptomoedas força liquidação de usuários após possível vazamento de senhas
Foto: Shutterstock

A exchange inglesa de criptomoedas Hold Hold anunciou na segunda-feira (2) que alguns clientes tiveram suas senhas vazadas após auditores internos e externos identificarem problemas de segurança em suas contas.

Assim que tomou conhecimento que as senhas não estavam mais seguras, a plataforma forçou uma liquidação dos contratos abertos por usuários afetados como forma de impedir uma potencial perda de fundos.

Publicidade

A Hold Hold não esclareceu se a falha de segurança que comprometeu os dados pessoais partiu do seu próprio sistema ou se foi um descuido dos usuários. O número de pessoas atingidas também segue desconhecido.  

“Isso afetou um número limitado de contratos, mas estamos tomando medidas proativas para garantir que todos estejam seguros. Ainda estamos investigando esses problemas e criando ferramentas para migrar facilmente os fundos do depósito antigo para os novos”, diz a nota.

A Hold Hold não faz a custódia de criptomoedas dos clientes da mesma forma que as exchanges tradicionais. A plataforma funciona mais como uma mediadora automatizada para usuários que querem comprar, vender e emprestar bitcoin uns dos outros.

De acordo com o CoinDesk, as senhas que foram comprometidas eram as que davam acesso às carteiras de depósito onde os usuários bloqueiam suas moedas para utilizá-las em contratos na Hold Hold.

Publicidade

Comunicação suspeita 

Alguns usuários no Twitter já haviam notado que as atividades na exchange estavam estranhas desde domingo (1º).

“Galera o que está acontecendo com a Hodl Hodl? Estou recebendo e-mails com um estilo muito fraudulento em que me pressionam a fechar contratos nas próximas 2 horas. Eles foram hackeados?”, escreveu o usuário @HodlBits.

Uma desconfiança sobre a legitimidade dos e-mails se espalhou pela rede social, mas a corretora logo confirmou que de fato estava enviando as mensagens e que seus canais de comunicação não foram comprometidos.

“Poderíamos ter lidado melhor com a comunicação, mas não conseguimos garanti-la com toda a pressa e ações que deveríamos tomar para proteger nossos usuários”, justificou na publicação oficial.

A Hold Hold disse que ainda está investigando o que causou o problema com as senhas dos clientes e que quando tudo for resolvido, publicará um relatório detalhado para esclarecer à comunidade o que aconteceu.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: MB e Rappi se unem para celebrar data histórica para Bitcoin com entrega de pizzas a clientes da exchange

MB e Rappi se unem para celebrar data histórica para Bitcoin com entrega de pizzas a clientes da exchange

A plataforma de ativos digitais também promove campanha para recompensar trades realizados até 4 de junho
Imagem da matéria: Investidor acende alerta da comunidade ao ser hospitalizado após tentar fazer memecoin viralizar

Investidor acende alerta da comunidade ao ser hospitalizado após tentar fazer memecoin viralizar

O usuário foi atingido por fogos de artifício em uma live de divulgação do seu token
Imagem da matéria: 5 coisas para saber sobre o lançamento do token do Notcoin

5 coisas para saber sobre o lançamento do token do Notcoin

Quando o token NOT será lançado? Qual o futuro para a Notcoin? É melhor fazer stake dos tokens? Preparamos um resumo para você
Imagem da matéria: Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido

Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido

A CVM multou a pirâmide financeira Atlas Quantum após identificar indícios “robustos e consistentes” de que tudo não passava de uma operação fraudulenta