Imagem da matéria: Conheça o Rapaz que Viaja o Mundo com Lucro Adquirido com Bitcoin

O Sr. Smith, que pediu para ocultar seu nome real, viaja pelo mundo em estilo ultra luxuoso nos últimos quatro anos. Ele apenas voa de primeira classe e permanece exclusivamente em suítes de 5 estrelas. Nos últimos trinta dias, ele visitou Singapura, Nova York, Las Vegas, Mônaco, Moscou, de volta à cidade de Nova York, a Zurique e agora está Hong Kong. “Nunca tenho um momento aborrecido”, ele diz, levantando a taça de champanhe. Então ele compartilha sua história:

Depois de terminar a faculdade em 2008, Smith conseguiu um trabalho respeitável como engenheiro de software para uma grande empresa de tecnologia no Vale do Silício. Ele era um bom funcionário, perto de muitos de seus colegas de trabalho. Foi em um desses amigos “igualmente geeky”, em julho de 2010, que Smith ouviu falar sobre Bitcoin pela primeira vez. Logo após o primeiro grande aumento de preços, quando a criptomoeda valorizou dez vezes de US $ 0,008 a US $ 0,08 ao longo de cinco dias. A resposta de Smith, embora intrigada, foi medida: “Esse salto de preço realmente chamou minha atenção, mas ainda esperei alguns meses antes de investir. Eu queria aprender mais sobre a tecnologia em primeiro lugar”.

Publicidade

Em outubro de 2010, Smith estava pronto para entrar. “Eu não tinha idéia de quanto investir, mas eu estava sendo bem pago no momento, então eu decidi investir US $ 3.000.” Ele pagou pouco mais de $ 0.15 por Bitcoin, dando-lhe um pouco menos de 20.000;

Mesmo no Vale do Silício, simplesmente mencionar “Bitcoin” foi o suficiente para levantar questionamento das pessoas. A criptomoeda estava muito no inicio e, embora Smith verificasse o preço a cada dois meses, ele assegura: “Eu sabia desde o início que eu estava jogando a longo prazo. Eu queria ver o quão alto poderia ir “.

Durante os próximos três anos, Smith continuou no seu trabalho e, em grande parte, esqueceu seu investimento, até que o Bitcoin começou a ficar mais popular em 2013, tendo fortes altas no preço. “Não consegui acreditar o quão rápido se valorizou”, disse Smith. “Ele começou a aumentar em 10% ou mais todos os dias. Eu estava nervoso e excitado, e aterrorizado e confuso tudo ao mesmo tempo. “Quando o preço atingiu US $ 350, mais de dois mil vezes o que ele pagou, Smith vendeu 2.000 de suas moedas iniciais; Quando o preço atingiu US $ 800, poucos dias depois, ele vendeu mais 2.000. Assim mesmo, Smith desembarcou em ganhos extraordinários de US $ 2,3 milhões. “Foi absolutamente insano”, disse ele. “Eu sai do meu emprego e parti em uma viagem ao redor do mundo na semana seguinte”.

Smith mostrou ao repórter da Forbes uma série de vendas recentes e mostrou uma de suas carteiras, para comprovar a veracidade da historia.

Publicidade

Segundo ele, as vendas recentes se devem a, como ele diz, a especulação excessiva empurrou o preço para um nível insustentávelmente alto. Ficou claro que ele tinha muitos pensamentos sobre a noção de uma bolha de preços atual, mas a duvida era: Quanto ele tinha lucrado até o momento com bitcoin? E ele respondeu na lata:

US $ 25 milhões, aproximadamente.

US $ 25 milhões de um investimento inicial de US $ 3.000. Nada mal, não é?

Smith ainda possui 1.000 Bitcoins, que planeja vender, “quando o preço chegar a US $ 150.000”, uma valorizaçao de um milhão de vezes o valor de seu preço de compra original. “Eu realmente acho que vai chegar lá, ele diz com confiança:” Mas muitos governos e empresas terão que estar a bordo, primeiro. Nenhuma quantidade de especulações no mundo vai empurrar isso tão alto “.

Quando perguntado por que ele escolheu vender quando ele fez, e se ele sentirá remorso se o preço saltar dez vezes novamente, ele balança a cabeça. “Eu tenho tudo o que eu já sonhei agora. Eu viajo todo o mundo visitando amigos, faço o que quiser com meu tempo e nunca mais me preocuparei com o dinheiro pelo resto da minha vida. Eu seria um tolo absoluto para não retirar dinheiro agora. ”

 

VOCÊ PODE GOSTAR
Bitcoin em gráfico de alta com seta azul apontado para o alto

Bernstein eleva projeção e vê Bitcoin em US$ 200 mil até 2025

Para o longo prazo, os analistas preveem que cada Bitcoin pode valer US$ 500 mil até o final de 2029 e US$ 1 milhão até 2033
Moedas de bitcoin sob mesa escura com sigal ETF

Bolsa de valores da Austrália recebe seu primeiro ETF de Bitcoin

O VBTC da gestora global de ativos debutou na ASX com uma alta de 1% em relação ao seu preço de abertura
Jerome Powell, presidente do Fed, mostrado em tela de computador

Bitcoin cai para a casa dos US$ 67 mil após Fed manter taxa de juros

Jerome Powell afirmou que a busca do banco central dos EUA pela meta de 2% de inflação ainda não acabou
Baleia

Baleias lucram US$ 1,2 bilhão em duas semanas com vendas de Bitcoin

As baleias estão vendendo BTC com mais força do que nunca, o que pode influenciar na queda da criptomoeda