Imagem da matéria: CoinEx patrocina equipe brasileira de E-Sports focado em blockchain games
(Foto: Shutterstock)

A corretora de criptomoedas CoinEx e a empresa de games Sp4ce fecharam uma parceria estratégica para patrocinar o primeiro time de E-Sports focado em jogos blockchain no Brasil. Segundo nota enviada nesta quinta-feira (10), a iniciativa vai beneficiar os jogadores de Thetan Arena e Axie Infinity.

“A CoinEx se mostra como a primeira empresa do setor cripto a apoiar formalmente o setor de E-sports dentro da blockchain com o patrocínio e parceria com o time da Sp4ce Games, além de oferecer infraestrutura para compra e venda de tokens de games dentro da corretora”, disse a empresa, ressaltando seu foco na expansão do segmento no Brasil.

Publicidade

De acordo com a desenvolvedora e CEO da Sp4ce Heloísa Passos, a ideia dessa parceria é fortalecer a comunidade e o branding da empresa no mercado brasileiro. Passos, diz a nota,  já trabalhou em projetos criativos para empresas como Disney, Stone e Magalu, diz a nota.

Acerca do time de E-Sports, a nota destaca 10 pro-players, sendo cinco do ‘time de ouro’, e reúne mais de 30 jogadores da Sp4ce Academy. “A equipe da Sp4ce conta, ainda, com Akenamon Johansen, que figura entre os 100 melhores jogadores do mundo”. 

A expansão de criptomoedas no setor E-Sports vai fortalecer ainda mais os campeonatos e o ecossistema de produtores de conteúdo, informando sobre estratégias, novidades, aspectos técnicos etc, acrescentou Passos.

Marcos Lustosa, head de operações da CoinEx no Brasil, também deixou seu comentário. Para ele, o mercado de games está crescendo exponencialmente e o Brasil é um dos mercados mais aquecidos do mundo.

Publicidade

“A CoinEx entendeu a importância de estar presente nesse segmento e decidiu fechar a parceria com a Sp4ce, que tem um dos maiores times de blockchain games do Brasil”, destacou Lustosa.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Desenvolvedor da Solana rouba R$ 1,6 milhão de investidores para apostar em jogos de azar

Desenvolvedor da Solana rouba R$ 1,6 milhão de investidores para apostar em jogos de azar

“O que vier a seguir está nas mãos de Deus”, disse o dev após assumir o roubo
Moeda prateada da Chainlink com reflexo em um fundo roxo

Chainlink sobe 18% ao lançar projeto piloto em Wall Street com JP Morgan, BNY Mellon e DTCC

A DTCC anunciou que acaba de concluir um projeto piloto de tokenização com gigantes de Wall Street, como JP Morgan e BNY Mellon, aproveitando o CCIP da Chainlink
Ilustração da memcoin em Solana Bonk

Como criar uma memecoin em Solana com a Pump.fun

Protocolo viralizou ao permitir a qualquer pessoa criar uma criptomoeda por cerca de R$ 15
homem segura com duas mãos uma piramide de dinheiro

CVM julga hoje pirâmide Atlas Quantum; veja detalhes da acusação

Procuradoria da CVM acusa Atlas Quantum de operação fraudulenta no mercado de valores mobiliários e embaraço à fiscalização da CVM