Imagem da matéria: Chefe de cooperativa de guardadores de carro é acusado de perder dinheiro da entidade com Bitcoin
Foto: Shutterstock

O diretor presidente de uma cooperativa de guardadores de carros de Embu das Artes foi destituído de seu cargo por associados por conta de um investimento em Bitcoin que gerou prejuízo de cerca de R$ 10 mil. O caso foi parar na Justiça de São Paulo. O resultado foi que o cargo de presidente foi devolvido ao autor da ação.

De acordo com a decisão publicada nessa quarta-feira (05) no Diário Oficial de São Paulo, o autor da ação foi proibido de atuar como presidente da cooperativa e o motivo foi um investimento em Bitcoin que não deu certo.

Publicidade

A juíza Barbara Carola Hinderberger Cardoso de Almeida, da 2ª Vara Judicial de Embu das Artes, em sentença converteu a decisão liminar que vinha mantendo o diretor presidente no exercício de seu cargo em decisão definitiva.

Ela afirma que pelas provas produzidas nos autos é possível notar que as discordâncias entre o presidente e seus conselheiros teria se iniciado após a insistência dos réus em investir em Bitcoin.

O fato, contudo, é que o investimento na criptomoeda não deu certo e “causou prejuízo aproximadamente de R$ 10 mil à Associação”. A solução encontrada para não arcar com essa amarga conta era simples: destituir o presidente.

“Diante da possibilidade dos réus serem obrigados à ressarcir os danos que causaram a entidade, justifica-se o movimento de destituir do autor do cargo de presidente da Cooperativa”.

Publicidade

Deu errado

A juíza diz que a atuação dos doze associados foi ilegal e lhe causou perplexidade pela forma que os réus usaram para “assumirem a diretoria da Cooperativa sem nenhum indício de irregularidade por parte do autor”.

Ela argumenta na decisão que não há nos autos nenhum documento com pedido de renúncia, demissão ou produção de provas que demonstrem atos irregulares ou má gestão do diretor presidente da entidade Cooperativa. O intuito era apenas o de não arcar com o investimento mal sucedido em Bitcoin.

Segundo Almeida, os associados não respeitaram sequer o quórum mínimo para se deliberar o afastamento do diretor presidente.

“O documento de fls. 89 está assinado por 12 associados, representando menos de ¼ (um quarto) do total de associados, restando insuficiente para deliberações como afastamento e destituição dos cargos eletivos e direcionais”.

Desta forma, a juíza decidiu manter o autor no cargo de “diretor presidente da Cooperativa de Serviços de Atendimento de Estacionamento de Embu das Artes até a data das novas eleições para os cargos diretivos da entidade civil”.

Publicidade

Ela também determinou que “os réus não obstaculizem o pleno exercícios das funções do autor, sob qualquer motivo, pretexto ou forma, sob pena de crime de desobediência judicial”. Cabe, no entanto, recurso por parte dos réus.


Compre Bitcoin na Coinext

Baixe agora o aplicativo (Android e iOS) da corretora de criptomoedas mais avançada do Brasil. A mesma segurança e agilidade, em qualquer lugar, acesse: https://coinext.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
moeda de bitcoin dentro de armadilha selvagem

CVM faz pegadinha e descobre que metade das pessoas cairia em golpe com criptomoedas

Junto com a Anbima, a entidade criou um site de uma empresa fictícia que simulava a oferta de investimentos com lucros altos irreais
Imagem da matéria: Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Herdeiro paga R$ 2,2 milhões em Bitcoin para resgatar vítima de sequestro em Petrópolis, mas é enganado

Ao todo, vítima gastou quase R$ 5 milhões nos pagamentos: além do envio de Bitcoin, foram 40 depósitos bancários
Anic de Almeida Peixoto Herdy é casada com herdeiro da Unigranrio

Herdeira é sequestrada em Petrópolis e criminosos exigem resgate em Bitcoin

Técnico de informática amigo do casal conversou com sequestradores por entender de criptomoedas e foi preso por suspeita de envolvimento
Michaël van de Poppe em vídeo no Youtube

“É hora de investir em altcoins como Ethereum além do Bitcoin”, diz Michaël van de Poppe

Citando o Ethereum com uma das opções, o analista diz que o mercado de altcoins já passou por correção e que a tendência agora é de alta