Imagem da matéria: Bitcoin volta aos US$ 40 mil apesar da pressão por regulação
Foto: Shutterstock

Foi uma semana volátil para a maior criptomoeda do mercado, Bitcoin. Depois de atingir US$ 40.000 na segunda-feira pela primeira vez desde meados de junho, a criptomoeda líder atingiu novamente esse preço apenas dois dias depois.

Além do mais, a moeda está aproveitando esse impulso de alta, apesar do aumento da pressão regulatória. A maior bolsa do setor, a Binance, por exemplo, vem ajustando freneticamente sua posição em várias frentes, seguindo a pressão dos reguladores globais.

Publicidade

Uma das últimas mudanças que a Binance fez foi cortar sua alta alavancagem de 125x para 20x. Os traders que usam a alavancagem para fazer negócios são capazes de ampliar seus lances em grandes quantidades. Naturalmente, a desvantagem pode ser igualmente multiplicada, levando a liquidações em massa até mesmo entre os traders profissionais.

A Exchange FTX, liderada pelo CEO Sam Bankman-Fried, diminuiu a quantidade de alavancagem que os usuários também podem obter.

O CEO da Binance, Changpeng “CZ” Zhao, também falou sobre encontrar um outro CEO com forte “experiência regulatória e de compliance”.

Todas essas ações parecem ser uma resposta direta aos reguladores em todo o mundo que buscam fazer uma ‘limpeza’ regulatória na indústria das criptomoedas.

Durante uma audiência do Comitê Bancário do Senado na terça-feira (27), a senadora norte-americana Elizabeth Warren (D-MA) advertiu que “à medida que o mercado de criptomoedas cresce, também aumentam os riscos para nossa estabilidade financeira e economia”.

Publicidade

Os mercados de Bitcoin mostram resiliência

Por mais inconstantes que os especuladores de criptomoedas possam ser, houve forças de mercado concretas que ajudaram o Bitcoin a chegar a US$ 40.000 por duas vezes esta semana. Mais notavelmente, um chamado “short squeeze”.

O termo financeiro tornou-se conhecido em meio ao frenesi comercial da Gamestop no início deste ano. Depois que um grande grupo de Redditors descobriu uma grande quantidade de posições vendidas em ações da GameStop, eles se reagruparam e começaram a comprar as ações na mão.

De um lado, estavam os fundos de hedge maiores que estavam vendidos, ou procurando ganhar dinheiro se as ações caíssem, e do outro lado estava um grupo alegre de investidores da Internet comprados, esperando que o GameStop aumentasse. À medida que as ordens de compra se acumulavam, as posições vendidas começaram a perder dinheiro, e os investidores nessas posições precisaram começar a comprar as ações para pagar quaisquer empréstimos que fizessem para ingressar nessa posição.

Naturalmente, o movimento cria um evento extremamente altista. E o mesmo pode acontecer no mercado de criptomoedas.

O ex-banqueiro e analista Alex Krüger disse ao Decrypt que a jogada do Bitcoin na segunda-feira foi “um simples short squeeze de proporções épicas”.

*Traduzido e editado com autorização da Decrypt.co

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Fundador da FTX recorre de sentença de 25 anos e Bitcoin (BTC) estaciona em US$ 70 mil

Manhã Cripto: Fundador da FTX recorre de sentença de 25 anos e Bitcoin (BTC) estaciona em US$ 70 mil

Mercado de criptomoedas opera sem tendência definida nesta sexta-feira (12), apesar do fluxo negativo de fundos com exposição direta ao Bitcoin
Casa à beira de rio no Butão

Governo de Butão vai intensificar mineração de Bitcoin no Himalaia com investimento de R$ 2,5 bi

O governo do país asiático vai apostar em hardwares de ponta para compensar os efeitos do halving do Bitcoin que acontece este mês
BTC bitcoin na frente de nota de dólar de 1 milhão

Preço do Bitcoin aumenta com otimismo de Biden sobre queda de juros do Fed ainda este ano

“Mantenho minha previsão de que, antes do final do ano, haverá um corte nas taxas”, disse o presidente dos Estados Unidos
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) cai para US$ 69 mil e mercado reduz apostas em ETF de Ethereum

Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) cai para US$ 69 mil e mercado reduz apostas em ETF de Ethereum

Quedas resultaram em quase US$ 200 milhões em posições de derivativos alavancadas liquidadas em diversos criptoativos, segundo CoinGlass